15 C
fpolis
quinta-feira, maio 19, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Aberta a quarta Semana Estadual de Doação de Leite Humano em Santa Catarina

spot_img

Aberta a quarta Semana Estadual de Doação de Leite Humano em Santa Catarina

spot_imgspot_img

Começou nesta segunda-feira, 16, a Semana Estadual de Doação de Leite Humano, que reforça a importância do aleitamento materno, especialmente para os bebês prematuros e de baixo peso. Santa Catarina possui 13 bancos de leite cadastrados na Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano ligada à Fiocruz, dos quais seis estão em unidades públicas de saúde (veja tabela abaixo). O Brasil dispõe da maior rede de banco de leite humano do mundo.

A Semana Estadual de Doação de Leite Humano foi instituída em 2013, pela lei 15.952, e é realizada anualmente na semana do dia 19 de maio, em que é celebrado o Dia Nacional de Doação de Leite Humano. A ideia é sensibilizar a população, diante da crescente demanda por leite humano, para garantir sobrevivência de bebês internados em UTIs neonatais, cujas mães não conseguem suprir as necessidades dos filhos.

Em 2015, os 13 bancos de leite catarinenses realizaram 9.083 visitas domiciliares e fizeram 85.804 atendimentos. Do total de atendimentos, 5.341 mulheres doaram de mais de 9,3 mil litros de leite humano. Esse estoque beneficiou 6.555 recém-nascidos doentes ou prematuros. As informações são da médica Maria Beatriz Reinert do Nascimento, responsável técnica pelo Banco de Leite da Maternidade Darcy Vargas, de Joinville, referência nesse serviço em Santa Catarina.

“A amamentação é fundamental para a sobrevivência, nutrição e o desenvolvimento na primeira infância. O aleitamento materno é uma importante estratégia de saúde pública na prevenção da morbidade e mortalidade de lactentes e crianças”, destaca Maria Beatriz.

Além de proteger a criança contra doenças, o leite materno pode e deve ser usado exclusivamente durante os seis primeiros meses de vida. Depois disso, a amamentação deve ser mantida de forma complementar até a criança chegar aos dois anos. Toda mulher saudável que produz um volume de leite além do que o seu bebê precisa pode ser uma doadora. Mais informações estão disponíveis nos bancos de leite catarinenses. Outros detalhes podem ser obtidos no site da Rede BLH.

Os hospitais Tereza Ramos (Lages), Infantil Joana de Gusmão (Florianópolis), Regional Homero de Miranda Gomes (São José) e as maternidades Carmela Dutra (Florianópolis), Darcy Vargas (Joinville) e Dona Catarina Kuss (Mafra) farão uma séria de homenagens para as mamães doadoras no decorrer da semana.

Bancos de Leite Humano na Grande Florianópolis

Maternidade Carmela Dutra (Banco de Leite e Central de Informações de Aleitamento Materno)

Rua Irmã Benwarda, 208, Centro – Florianópolis

Fone: (48) 3251-7552 / gabare@ibest.com.br

Hospital Regional de São José Dr.Homero de Miranda Gomes

Rua Adolfo Donato da Silva, s/n, Praia Comprida – São José

Fone: (48) 3271-9158 / huberangela@hotmail.com

Hospital Infantil Joana de Gusmão

Rua Rui Barbosa, 152 , Agronômica – Florianópolis

Fone: (48) 3251-9141 / bancodeleitehijg@saude.sc.gov.br

spot_img