15.5 C
fpolis
terça-feira, julho 5, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Cultura: Guerra do Contestado em poesia e canção

Cultura: Guerra do Contestado em poesia e canção

spot_imgspot_img

Segundo volume de “Poema Rima Canção II” aborda, em forma de poema, a complexidade e a natureza do episódio que marcou a história de Santa Catarina

4/2/2022 – Cerca de um ano depois do lançamento de “Poema Rima Canção”, o autor catarinense Adir João Somariva publica o segundo volume da obra, com produções autorais – poesias e composições inéditas – que despertam encantamento e reflexão. Entre os temas em destaque em “Poema Rima Canção II” está a Guerra do Contestado, abordando, em forma de poema, a complexidade e a natureza do episódio, causas e consequências, personagens e posicionamentos.

Com uma trajetória de mais de duas décadas na área de Ciências Contábeis e como consultor de entidades na região de Concórdia, onde mora, Somariva demonstra talento também no universo das artes com o lançamento das suas obras literárias. Nos livros estão apenas uma parte das centenas de poemas e composições que ele criou entre 2020 e 2021.

De acordo com o autor, a inspiração se manifesta em pensamentos, decorrentes da experiência, vivência, cultura e valores que cultiva. “Acredito que todos têm inspiração. O que depende é de prestar atenção aos pensamentos e, em caso de envolvimento, deve ter missão bem definida e estar associado aos propósitos que se tem ou que se assume. Quando isso se alinha e as causas são nobres gera motivação e perseverança”, diz Somariva. No caso do autor, o propósito é contribuir na elevação da mentalidade humana para uma melhor sintonia nas relações em sociedade. “A sociedade carece de mais poesia, pensando, ouvindo e sendo mais reflexivo antes de combatente no mundo das opiniões”, reflete.

Editado pela Santa Editora, “Poema Rima Canção II” é apresentado – assim como o primeiro volume – em versos rimados em todo o seu conteúdo, da capa à contracapa. Adir João Somariva tem expectativa de que inúmeras de suas composições venham a se tornar canções a partir do interesse de artistas dos mais variados gêneros musicais. Assim como no primeiro volume, nas páginas de “Poema Rima Canção II”, Somariva apresenta sugestões de melodias e de ritmos, como rock, samba, baião, bolero, entre outros, para cada composição.

“Os temas são frutos da percepção, reflexão, imaginação, invenção, leitura, afinidade, da relevância que se atribui, das culturas que se convive… E os apresento em versos rimados, como forma de arte, para curiosidade, conhecimento, animação, imaginação, descontração e reflexão”, destaca o autor. “As obras têm com a função de gerar poesias rimadas, inclusive em forma de composição, dignas também de serem tratadas nas famílias e nas escolas”.

Sobre o autor: Natural de Ipumirim, no Meio-Oeste de Santa Catarina, Somariva mora em Concórdia há 45 anos, onde fez carreira na  na área de Ciências Contábeis, como consultor organizacional de entidades. É autor dos livros “Poema Rima Canção”, lançado pela Santa Editora em dezembro de 2020, e “Propósito da Missão: os fundamentos na organização das entidades sob uma visão contábil”, lançado em novembro de 2019 pela AGE Editora (www.editoraage.com.br) em livro impresso e e-book, além de ser coautor de “História de Nossa Gente II”, editado pelo Jornal O Imparcial, de Concórdia (SC).

Atuou também em prol dos bombeiros voluntários em Santa Catarina, sendo coordenador da PEC 01/2012, que deu aos municípios a possibilidade de realizar convênios para fiscalização de projetos, edificações e obras.

Maestro José Nilo do Valle  fala sobre “Poema Rima Canção II”

As poesias do escritor Adir João Somariva representam pequenas jóias literárias de valor inestimável, a maioria delas concebidas para serem musicadas, considerando a forma estética na qual foram talhadas.

O estilo simbolista popular do autor tem como mote principal o verso heptassílabo (redondilha maior), tipo de verso bastante apropriado para receber motivos melódicos os mais variados.No contexto, o autor joga bastante com palavras soltas, sabiamente animadas pelo incessante cadenciar do verso pelo verso, dentro de uma variada e criativa paleta temática, apresentada em segmentos, que abarcam desde sentimentos humanos e evocações de estados de espírito, até odes a municípios de diferentes regiões catarinenses.

A cadência pulsante da rima, explorada em suas diferentes modalidades, sobrepõe-se amiúde ao discurso meramente poético, denotando claramente a intenção do autor de imprimir uma constante fluência rítmica e melódica aos seus versos.

Diferente da maioria de obras literárias do gênero, podemos dizer que a obra Poema, Rima, Canção foi pensada musicalmente. Tanto isto é verdade, que o próprio autor torna claro seu desejo de conquistar parceiros compositores para suas obras, sinalizando sugestões de ritmo e de caráter melódico em seus títulos. Poema, Rima, Canção é uma obra destinada a qualquer leitor ávido de mergulhar no mundo fascinante da boa poesia, além de ser uma fonte de belos textos pensados para serem transformados em partituras musicais.

Maestro José Nilo Valle

Diretor Artístico e Regente da Orquestra Sinfônica de Santa Catarina

Membro da Academia de Letras de Nova Trento

Fotos anexo: crédito Júlio Lopes
– Autor catarinense, Adir João Somariva

editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img