22.6 C
fpolis
quinta-feira, maio 26, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Divulgada programação do Festival Internacional de Teatro de Animação

spot_img

Divulgada programação do Festival Internacional de Teatro de Animação

spot_imgspot_img

O FITA – Festival Internacional de Teatro de Animação comemora 10 anos em 2016 trazendo o primeiro espetáculo apresentado no festival: o premiado “El Avaro de Molière”, da companhia espanhola Tàbola Rassa, será atração de abertura, nos dias 14 e 15 de maio, em Florianópolis. Em 2007, ele foi apresentado em espanhol. Agora, e pela primeira vez, o espetáculo será apresentado em português.

Até 20 de maio, serão sete dias de intensa programação em Florianópolis e espetáculos de teatro de animação em outras quatro cidades catarinenses: São José, Biguaçu, Balneário Camboriu e Joinville. Durante o festival, além e assistir aos espetáculos, o público poderá participar de três oficinas, mesa de conversa e visitar a exposição “Bonecos em cartaz”.

Durante sete dias, serão 36 apresentações de 11 espetáculos de grupos catarinenses (5), nacionais (3) e internacionais (3).  Se comparado a outros anos de festival, o número de companhias do Estado cresceu. Um dos motivos, destaca a coordenadora Sassá Moretti, é o fortalecimento do gênero em Santa Catarina devido ao trabalho das universidades UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e UDESC (Universidade do Estado de Santa Catarina) – que tem em seus currículos disciplinas de teatro de animação – e do próprio FITA, que estimula a produção local.

No ano de aniversário do festival, a seleção de espetáculos foi guiada pelo desejo de contemplar o público que já acompanha teatro de animação e atrair novos espectadores. “O nosso público está cada vez mais exigente, nossas crianças mais atentas e ativas, por isso temos que ser cada vez mais criteriosos para contentá-los e atraí-los. Portanto, temos neste ano uma grade de apresentações bem eclética, com espetáculos com atores à vista do público, objetos, bonecos de luvas, bonecos com manipulação direta, máscaras e tecnologia, que chegou para ficar”, afirma Sassá Moretti – também idealizadora do festival.

Espetáculos

Além da abertura com um espetáculo inesquecível, a programação do FITA permitirá ao espectador transitar por diversos mundos através do teatro de animação e da hibridação do mesmo, uma tendência contemporânea. Os trabalhos construídos em torno de bonecos, objetos, máscaras e sombras são um convite para vivenciar histórias como a João e Maria, que se perdem na floresta e encontram uma casa de doces (Uma história de João e Maria), e a de Heloisa Marina, que vive imersa em lembranças de guerra contadas pela avó polonesa (Poses Para (Não) Esquecer).

No FITA, haverá oportunidade para se deixar levar pelo simbólico, paródico e místico presente na obra de Edward Gordon Craig (Prólogo Primeiro – patrocinado pelo Petrobrás, estreia em SC no FITA) ou pela história de duas pessoas que vivem em universos diferentes – ele na terra e ela no mar – contada por meio de projeção digital manipulada via computador (#Mergulho – Experiência Teatral Para Crianças). Ou ainda, como num passe de mágica, descobrir poesias dentro de cápsulas de comprimido (Os Cabeções – intervenção cênica urbana).

Reflexões sobre as relações humanas são possíveis para quem assistir a peça sobre o menino órfão que quer conhecer o seu passado (Clownti). Os espetáculos deste ano também discutem a cobiça (El Avaro), a inveja (Histórias de Mauro), a vida de repente sem tecnologia (Tecnópolis – Sem Livro pra Contar História), o despertar da leitura por meio da tecnologia (O Buraco do Muro), a perda da memória na velhice e a amizade (Viejos de Mi..).

 Novos espectadores

O festival trabalha para beneficiar o maior número possível de alunos das escolas públicas municipais e estaduais de Florianópolis. “Organizamos, junto às Secretarias de Educação, um calendário que permita contemplar esse público. Estas instituições escolares desempenham um importante papel para a formação de novos espectadores”, enfatiza Zélia Sabino, coordenadora executiva do festival. Na coordenação, ao lado de Sassá e Zélia, está ainda o produtor Gustavo Bieberbach.

O FITA tem o patrocínio da Caixa Econômica Federal e Prefeitura Municipal de Florianópolis através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, com apoio cultural da SOFTPLAN, apoio do SESC/SC – Serviço Social do Comércio de Santa Catarina, e apoio institucional da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e ABTB (Associação Brasileira de Teatro de Bonecos).

Oficinas e mesa de conversa

 Uma mesa de conversa e três oficinas são as atividades formativas do 10º FITA. As oficinas gratuitas têm como objetivo introduzir o participante no fascinante mundo do teatro de animação, ensinando-lhe desde construir bonecos até animar objetos.

E esta edição do FITA terá uma oficina especial, intitulada “Sinalizar o inanimado”. O objetivo é transmitir ao público surdo conhecimento sobre as técnicas da linguagem do Teatro de Animação por meio de experimentações práticas com o uso da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

 Exposição para refletir sobre teatro e design gráfico

Uma exposição de cartazes de espetáculos e festivais de teatro de bonecos mais do que especial é parte do 10º FITA: produzida pela Caixa do Elefante Teatro de Bonecos, a mostra patrocinada pela Petrobrás é resultado de uma coleção feita ao longo de 25 anos.

Entre os cartazes produzidos em vários países, há peças criadas com o engenho criativo de reconhecidos artistas, como o italiano Lele Luzzati e o brasileiro Eloar Guazzelli. O conjunto configura uma curiosa coleção que instiga pensar o design gráfico não apenas como peças promocionais, mas como verdadeiras obras de arte.

A exposição estará aberta ao público no Hall do Teatro Ademir Rosa (CIC), de 14 a 20 de maio, nos horários de funcionamento do Centro Integrado de Cultura.

Espetáculos do 10º FITA

 – – CATARINENSES

#Mergulho – Experiência Teatral Para Crianças – Eranos Círculo de Arte (Santa Catarina)

Histórias de Mauro – Cia. Tissier (Santa Catarina)

Poses Para (Não) Esquecer – Heloísa Marina (Santa Catarina)

Tecnópolis – Sem Livro pra Contar História – Grupo Teatrando Por Aí (Santa Catarina)

Os Cabeções – Grupo de Teatro Expresso (Santa Catarina)

– – NACIONAIS

Uma história de João e Maria – Cia. Mevitevendo (São Paulo)

Prólogo Primeiro – Caixa do Elefante Teatro de Bonecos (Rio Grande do Sul) (Patrocínio Petrobrás)

O Buraco do Muro- Maracujá Laboratório de Artes (São Paulo)

 – – INTERNACIONAIS

El Avaro de Molière – Tàbola Rassa (Espanha)

Clownti – Jabru Teatro de Títeres (Colômbia)

Viejos de Mi… – Sergio Mercurio (Argentina)

Serviço FITA

O quê: 10º FITA

Quando: De 14 a 20 de maio de 2016 – diversos horário. Confira a programação!

Quanto: GRATUITO (Espetáculos no Centro de Cultura e Eventos da UFSC,Teatro da UFSC,SESC Prainha e os que compõem a itinerância – Ingressos deverão ser retirados uma hora antes do espetáculo); GRATUITO para organizações sem fins lucrativo, ONGs e instituições de ensino, mediante reserva de vagas através de agendamento prévio (todos os espetáculos); R$20,00 e R$10,00 (meia**) (Teatro Ademir Rosa (CIC) e Teatro Álvaro de Carvalho).

Onde: Florianópolis, São José, Biguaçu, Balneário Camboriu e Joinville.

**Meia-entrada é destinada a estudantes, pessoas acima de 60 anos, classe artística (com apresentação de DRT), funcionários e clientes da CAIXA (mediante apresentação de cartão)

Mais informações no www.fitafloripa.com.br .

 Serviço ABERTURA

O quê: El Avaro, da cia. Tàbola Rassa(Espanha) – abertura 10º FITA

Quando: 14/5/2016, às 20h; 15/5/2016, às 16h.

Quanto: R$20,00 e R$10,00 (meia**). GRATUITO para organizações sem fins lucrativos, ONGs e instituições de ensino, mediante reserva de vagas através de agendamento prévio.

Onde: Teatro Ademir Rosa – CIC

*

O quê: intervenção cênica “Os Cabeções”

Quando: 14/5/2016, às 19h30

Quanto: GRATUITO

Onde: CIC

*

CRONOGRAMA OFICINAS E MESA DE CONVERSAS

19/05, 14h: Mesa de conversa – Criação e trajetória do espetáculo “El Avaro de Molière”/ O processo de criação de Prólogo Primeiro. LOCAL: Sala Goiabeira (Centro de Cultura e Eventos/UFSC)

Oficinas

16 a 18 de maio, 9h às 13h: Animar, dar vida a um objeto. LOCAL: Sala Goiabeira (Centro de Cultura e Eventos/UFSC)

16 e 17 de maio, 9h às 13h: Sinalizar o inanimado. LOCAL: Sala Laranjeira (Centro de Cultura e Eventos/UFSC)

18 a 20 de maio, 9h às 13h: Confecção e Manipulação de Bonecos, com material reciclável. LOCAL: Sala Laranjeira (Centro de Cultura e Eventos/UFSC)

Mais informações e inscrições pelo www.fitafloripa.com.br 

10 FITA – Festival de Teatro de animação
 
14/5 – SÁBADO
 
FLORIANÓPOLIS
 
19h30, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
INTERVENÇÃO: “Os Cabeções”
 
Grupo de Teatro Expresso (Florianópolis/SC)
 
20h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
CERIMÔNIA DE ABERTURA
 
“El Avaro, de Molière”
 
Tábola Rassa (Espanha)
 
BIGUAÇU
 
9h20, na Pc. Nereu Ramos
 
Histórias de Mauro
 
Tisser Produções (Florianópolis/SC)
 
(espetáculo está na programação da BIG FEst, em comemoração ao aniversário do Município)
 
15/5 – DOMINGO
 
16h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
“El Avaro, de Molière”
 
Tábola Rassa (Espanha)
 
20h, no teatro da UFSC
 
“Poses para não esquecer”
 
Heloísa Marina (Florianópolis/SC)
 
16/5 – SEGUNDA-FEIRA
 
FLORIANÓPOLIS
 
10h/15h, no Centro de Cultura e Eventos da UFSC
 
#Mergulho
 
Eranos – Círculo de Arte (Itajaí/SC)
 
10h/15h, no teatro Sesc Prainha
 
“Tecnópolis – Sem livro pra contar história”
 
Grupo Teatrando por aí (Florianópolis/SC)
 
20h, no teatro da UFSC
 
“Poses para não esquecer”
 
Heloísa Marina (Florianópolis/SC)
 
SÃO JOSÉ
 
15h, Orionópolis (apresentação fechada)
 
Histórias de Mauro
 
Tisser Produções (Florianópolis/SC)
 
17/5 – TERÇA-FEIRA
 
FLORIANÓPOLIS
 
10h/15h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
“Uma história de João e Maria”
 
Cia. Mevitevendo (São Paulo/SP)
 
15h/19h30, no TAC
 
“Prólogo Primeiro” – estreia em SC (patrocínio Petrobras)
 
Caixa do Elefante Teatro de Bonecos (Porto Alegre/RS)
 
10h/15h, no Centro de Cultura e Eventos da UFSC
 
#Mergulho
 
Eranos – Círculo de Arte (Itajaí/SC)
 
15h, no Asilo Irmão Joaquim (apresentação fechada)
 
Histórias de Mauro
 
Tisser Produções (Florianópolis/SC)
 
BALNEÁRIO CAMBORIU
 
15h, no Teatro Municipal Bruno Nitz
 
“Clownti”
 
Jabrú Títeres
 
(Bogotá/Colômbia)
 
18/5 – QUARTA-FEIRA
 
FLORIANÓPOLIS
 
15h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
“O buraco do muro”
 
Maracujá Laboratório de Artes (São Paulo/SP)
 
15h/20h, no TAC
 
“Prólogo Primeiro” – estreia em SC (patrocínio Petrobras)
 
Caixa do Elefante Teatro de Bonecos (Porto Alegre/RS)
 
10h/15h, no Teatro SESC – Prainha
 
Uma história de João e Maria”
 
Cia. Mevitevendo (São Paulo/SP)
 
12h30, no Concha Acústica UFSC – Projeto 12:30
 
INTERVENÇÃO:
 
“Os Cabeções”
 
Grupo de Teatro Expresso (Florianópolis/SC)
 
JOINVILLE
 
15h, no SESC Joinville
 
“Clownti”
 
Jabrú Títeres (Bogotá/Colômbia)
 
19/5 – QUINTA-FEIRA
 
FLORIANÓPOLIS
 
10h/15h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
“O buraco do muro”
 
Maracujá Laboratório de Artes (São Paulo/SP)
 
15h, no TAC
 
“Tecnópolis – Sem livro pra contar história”
 
Grupo Teatrando por aí (Florianópolis/SC)
 
10h/15h, no Teatro SESC – Prainha
 
“Clownti”
 
Jabrú Títeres (Bogotá/Colômbia)
 
19/5 – SEXTA-FEIRA
 
FLORIANÓPOLIS
 
ENCERRAMENTO
 
20h, no CIC – Teatro Ademir Rosa
 
“Viejos de mi…”
 
Sérgio Mercúrio (Argentina)
 
10h/15h, no TAC – Teatro Álvaro de Carvalho
 
“Tecnópolis – Sem livro pra contar história”
 
Grupo Teatrando por aí (Florianópolis/SC)
 
10h/15h, teatro da UFSC
 
“Clownti”
 
Jabrú Títeres (Bogotá/Colômbia)

ONDE O FITA ACONTECE…

Florianópolis:

Casa de Repouso Asilo Irmão Joaquim – Rua Mauro Ramos, 153 (Centro)

Centro de Cultura e Eventos (UFSC) – Campus Universitário Reitor João David

Ferreira Lima (Trindade)

Concha Acústica/Varandão do CCE – Projeto 12:30 – Campus Universitário

Reitor João David Ferreira Lima (Trindade)

Teatro Ademir Rosa (CIC) – Av. Governador Irineu Bornhausen, nº 5600

(Agronômica)

Teatro Álvaro de Carvalho (TAC) – Rua Marechal Guilherme, nº 26 (Centro)

Teatro da UFSC – Praça Santos Dumont – Igrejinha da UFSC (Trindade)

Teatro SESC Prainha – Travessa SiryacoAtherino, nº 100 (Prainha)

Balneário Camboriú:

Teatro Municipal Bruno Nitz – Avenida Central, esquina com rua 300 (Centro)

Biguaçu:

Praça Nereu Ramos – Praça Central (Centro)

Joinville:

SESC Joinville – Rua Itaiópolis, nº 470 (América)

São José:

Orionópolis – Rua Frederico Afonso, nº 5568 (Centro)

spot_img