Florianópolis, 20 de julho de 2024

Estudante da Udesc Esag, de Florianópolis, é destaque na organização do World Creativity Day

spot_img

Compartilhe

Florianópolis ficou no top 10 entre as cidades que melhor organizaram o World Creativity Day 2023, em abril, entre as 58 que promoveram suas versões locais do maior festival colaborativo de criatividade do mundo. A avaliação foi feita no Creativity Leaders Professional Summit (CLP), evento on-line realizado no fim de julho, parte da preparação para o WCD 2024.

Por conta do destaque na organização, a edição de 2024 em Floripa terá novamente como líder local a estudante Thaís Carneiro, da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). Aluna do curso de Administração Empresarial do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag) da Udesc, Thaís, 22, foi a mais jovem líder local a assumir a função.

O World Creativity Day se dedica a construir uma comunidade global de educadores, empreendedores criativos, líderes sociais e empresariais, criadores, pesquisadores e outros agentes de mudança. A ideia é promover e conectar iniciativas que promovam a criatividade e a inovação para o desenvolvimento social, tecnológico e econômico sustentável.

Para a edição do ano que vem, prevista para os dias 19 a 21 de abril de 2024, já estão mapeadas 81 cidades candidatas a abrigarem os eventos locais do WCD. Veja aqui a lista completa. A Organização Mundial da Criatividade agora terá a tarefa de capacitar os líderes locais de cada cidade para que elas possam ser confirmadas como anfitriãs do evento.

A Udesc Esag foi um dos patrocinadores da edição de 2023 do WCD em Florianópolis além de ter abrigado atividades como uma das quatro sedes do evento – as outras três foram a Acate Downtown, o Sebrae-SC e a TXM Methods. A organização contou com 25 voluntários, 33 inspiradores e 17 apoios de empresas. Mais de 780 pessoas se inscreveram nas atividades.

Esag Ventures

Thaís foi selecionada como líder local do movimento em Florianópolis pelo diretor-executivo do WCD, Lucas Foster, e participou de uma formação executiva em liderança criativa para encarar a missão. “Hoje tenho como propósito pessoal fomentar e apoiar o empreendedorismo, em especial dos jovens que buscam se qualificar para o mercado de trabalho ou desenvolver ou aprimorar uma ideia de negócio”, explica.

Em linha com esse propósito, Thaís também faz parte da Esag Ventures, aceleradora da Udesc Esag que busca aprimorar ideias de negócios criadas pelos estudantes de graduação. “A Esag Ventures me apresentou ao mundo da tecnologia e inovação e me proporcionou o desenvolvimento de habilidades como comunicação, negociação e de relacionamento interpessoal que eu não conseguiria ter desenvolvido em outro local”, garante.