15.8 C
fpolis
terça-feira, maio 24, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Família: o esteio do desenvolvimento

spot_img

Família: o esteio do desenvolvimento

spot_imgspot_img

Neste 08 de março, apresentamos o perfil de Linda Koerich.

Fala mansa, olhar sereno e o sorriso sempre estampado no rosto. Essas são algumas características da matriarca da família Koerich, um exemplo de mulher, fortaleza, superação e que ajudou a construir uma das principais construtoras de nosso estado. Linda Koerich, 84 anos, casada, mãe de sete filhos, 12 netos e oito bisnetos. A história de vida dessa empreendedora começou muito cedo. Uma infância simples, trabalhou desde a sua juventude, sempre muito dedicada à família e com uma grande paixão pela dança. “Eu costumo dizer que essa paixão está no nosso DNA, todas as minhas filhas e netas compartilham do mesmo sentimento. Toda reunião familiar vira uma festa”, comenta.

Engana-se quem pensa que o caminho trilhado foi fácil. Ao lado de seu marido, Walter Koerich, educou seus filhos, abdicou de momentos de lazer para investirem num propósito maior: uma construtora que tem como legado contribuir para o desenvolvimento social e econômico das localidades onde está inserida. Assim nasceu a WKoerich. “A gente sempre compartilhava as funções, enquanto meu marido dedicava-se à empresa, eu fazia gestão do lar. Mas nunca abrimos mão dos momentos onde reuníamos todos em volta da mesa – o que fazemos até hoje, aos sábados – para que possamos colocar em prática o conceito de família. E eu sou uma matriarca ao estilo antigo, percebo logo quando tem alguma coisa no ar, interfiro e zelo pela manutenção da harmonia entre todos”, comenta ela com saudosismo.

Um de seus grandes legados é a ação social. Desde os anos 2000 ela comanda a Ação Linda, um bazar em prol do Hospital Regional. Neste período, mais de 20 mil itens foram comercializados e revertidos em trabalho social. “O impacto é muito maior que a arrecadação. O pouco que podemos fazer para transformar realidades, para quem recebe, muitas vezes é a transformação da vida. O bazar começou despretensiosamente, como uma forma de agradecer toda a dedicação e trabalho primoroso das equipes e vem ganhando, ano após ano, mais adeptos”, explica Linda Koerich.

E como tudo isso começou? Dona Linda explica: “Em 1998 fiz uma cirurgia cardíaca no Hospital Regional de São José. Foi aí que fui muito bem atendida e me recuperei muito bem. Nas idas e vindas ao hospital senti a maior necessidade de ajudar outras pessoas. Sempre ajudo e ajudei diversas entidades, a questão da caridade sempre me tocou muito, e continuo ajudando muitas delas, porém hoje, dedico-me em especial ao Regional de São José, onde carinhosamente me chamam de madrinha”, pontua.

Ao olhar para as mudanças que a sociedade vem enfrentando, Dona Linda afirma que hoje em dia as mulheres têm mais liberdade e que isso deve ser gerido com muita sabedoria. “Converso muito, em especial com minhas netas. A mulher pode e deve ser aquilo que ela quiser, contudo, sem esquecer suas raízes, suas crenças, seu alicerce”, diz.

E essa fortaleza, segundo Dona Linda, se constrói com a fé. “Independente do credo ou da religião, uma pessoa sem fé é vazia, perde seu chão. E para isso não é preciso ir a igrejas, templos etc, temos é que acreditar, ter o nosso momento de espiritualidade. Sou casada há mais de 60 anos, e o grande segredo de um bom casamento é ter compreensão, paciência e amor acima de tudo. E tudo isso se consolida com a fé. Se eu puder deixar um recado para todas as gerações neste dia da mulher é conectem-se com aquilo que traga paz, satisfação. Honrar pai e mãe, nossos antepassados e sempre olhar ao próximo. A sociedade precisa de empatia”, finaliza.

editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img