22 C
fpolis
sábado, outubro 16, 2021
cinesytem

Fecasurf quer a liberação da prática do surfe em nove praias da Ilha durante a pesca da tainha

spot_img

Fecasurf quer a liberação da prática do surfe em nove praias da Ilha durante a pesca da tainha

spot_img

Nesta terça-feira, 16, a Federação Catarinense de Surf (Fecasurf ) participou de uma reunião com representantes de órgão públicos e associações, cuja a pauta era pesca da tainha e a prática do surfe. A entidade apresentou um pedido de liberação parcial da prática do esporte em sete praias e total em duas, todas em Florianópolis.

Para a Fecasurf, o surfe deveria ser parcialmente liberado na Lagoinha do Leste, no Matadeiro, no Morro das Pedras, no Moçambique, no Santinho, nos Ingleses e na Praia Brava. Além dessas, a prática deveria ser totalmente liberada nas praias Mole e Joaquina. Confira abaixo a lista de liberações da proposta.

Estavam presentes na reunião Daniel Paladino, representante do Ministério Público (MP-SC); Fred Leite, presidente da Fecasurf; Alexandre Fontes, representante da Associação de Pescadores Z11; Jeferson Veloso, da Fundação Municipal de Esportes; comandante Mello, da Capitania dos Portos; e Juarez dos Santos, presidente do SINDPESCA.

A homologação do acordo ficou agendado para o dia 6 de maio, na sede do MP-SC.

Pontos em que a Fecasurf quer liberação

– a 500 metros do canto esquerdo na Armação
– a 500 metros do canto direito do Morro das Pedras
– a 500 metros para a esquerda da estrada de entrada do Moçambique
– a 500 metros do costão das Aranhas na Praia do Moçambique
– a 500 metros do canto direito da Praia do Santinho
– a 500 metros do canto esquerdo da praia dos Ingleses
– a 500 metros do canto esquerdo da praia Brava

spot_img
spot_img