26.2 C
fpolis
segunda-feira, janeiro 24, 2022
cinesytem

Feira internacional será vitrine para iniciativas apoiadas pela Fapesc

Feira internacional será vitrine para iniciativas apoiadas pela Fapesc

spot_img

A Ecogerma 2009, que ocorrerá entre quinta-feira (12) e domingo (15), em São Paulo, servirá de vitrine para o Sapiens Parque, o Inventário Floristico/Florestal e outras iniciativas que têm suporte financeiro ou institucional da Fundação de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica do Estado de Santa Catarina (Fapesc). Três coordenadores de projetos da Fapesc irão ao evento que deve receber mais de 20 mil visitantes e movimentar R$ 200 milhões. Eles vão dividir o estande do Governo do Estado com representantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (Certi).

Tais entidades trabalham em conjunto em ações como o Prêmio Sinapse de Inovação e o Inova SC, ambos voltados a estimular o empreendedorismo baseado no conhecimento. Também serão exibidos resultados de pesquisas sobre o aproveitamento da água da chuva, a criação de sensores inteligentes para o meio ambiente e a Reserva da Biosfera em Ambiente Urbano – um título que a Unesco pode atribuir a Florianópolis em primeira mão.

Planejamento urbano, transporte, energias renováveis, biocombustíveis são alguns dos temas a serem abordados no evento. Organizado pela Câmara Brasil-Alemanha, o evento engloba um feira e um congresso que reunirá empresas interessadas em estabelecer parcerias comerciais para viabilizar negócios e produtos “verdes”.

A Ecogerma terá cerca de 400 expositores nas áreas de tecnologias ambientais, eficiência energética e ecofinanças, entre outros, e conta com apoio dos governos e da iniciativa privada de ambos os países. Na América Latina, o Brasil é o parceiro comercial mais importante da Alemanha, país líder no setor de desenvolvimento de tecnologias e produtos sustentáveis, com 30% de participação no mercado mundial de geração de energias renováveis, 25% no comércio de tratamento de resíduos e tecnologias para reciclagem e 20% nos negócios de mobilidade.

A feira será aberta pelo ministro do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, e pelo Ministro da Economia da Alemanha, Michael Glos.

spot_img
spot_img