16.2 C
fpolis
segunda-feira, julho 4, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Florianópolis terá festival de mágica

Florianópolis terá festival de mágica

spot_imgspot_img

Ideia veio do Marrocos, onde uma comitiva do governo do Estado assinou convênio

Florianópolis será sede do Festival Internacional de Mágica entre 1º e 4 de outubro deste ano. A ideia da realização veio do Marrocos, onde o festival é sucesso.

O evento já acontece em Paris e Marrakech, no Marrocos, onde a comitiva do governo do Estado realizou, em novembro do ano passado, uma missão internacional. Nesse período, foi assinado um convênio entre as prefeituras de Florianópolis e Marrakech, com o aval das comunidades política e empresarial. No mesmo período acontecia o Festival de Mágica de Marrakech, que foi apresentado à comitiva catarinense pelo prefeito do local, Omar Jazouli.

O festival despertou o interesse da comitiva e fez-se o acordo para a sua realização na Capital catarinense. Em Marrocos, o festival atrai um público de mais de 200 mil pessoas, além de mágicos de todo o mundo.

Quarta-feira, foi assinado, pelo Estado, prefeitura e o mágico Baby Dahan, do Marrocos, um Protocolo de Intenções para a realização do Festival Internacional de Mágica de Florianópolis.

Na assinatura do protocolo, o mágico Baby Dahan fez demonstrações de mágica e agradeceu pelo apoio ao festival. O local ainda não foi definido.

Segundo o governador Luiz Henrique da Silveira, a ideia é fazer com que toda a cidade entre no clima do festival, e que ele faça parte do calendário municipal. Assim, os turistas poderão prestigiar as belezas naturais de Florianópolis e se divertir com um pouco de mágica.

O secretário especial de Articulação Internacional, Vinícius Lummertz, acredita que eventos desse tipo são uma forma de combater a sazonalidade no turismo de Florianópolis.

— Estamos buscando um turismo sustentável, qualificado, que não sobrecarregue a cidade em apenas dois meses do ano, durante o verão. Queremos agregar valor para a cidade — disse Lummertz.

Apresentações também em locais públicos

O festival será uma opção não só para o turista, mas para a população local, que poderá prestigiar as apresentações durante o dia em locais públicos e de noite em teatros da cidade. Os locais de apresentação não foram definidos.

Na reunião estiveram presentes o vice-governador Leonel Pavan; os secretários de Estado Valdir Cobalchini (Coordenação e Articulação), José Nei Ascari (Administração), Valter Gallina (Regional da Grande Florianópolis) e Vinícius Lummertz (Articulação Internacional); os presidentes da Santur (Santa Catarina Turismo), Valdir Rubens Walendowsky; e da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Anita Pires.

Por Michelle Dias

spot_img