16.5 C
fpolis
segunda-feira, maio 16, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

No mês das mulheres, atacadista destaca expressiva presença feminina nas mais diversas áreas da rede

spot_img

No mês das mulheres, atacadista destaca expressiva presença feminina nas mais diversas áreas da rede

spot_imgspot_img

Nas 47 lojas do Fort Atacadista, mais de 4 mil colaboradoras são mulheres; somente em 2021 foram 1.611 novas admissões de funcionárias mulheres

O mês de março é marcado não apenas pelo Dia Internacional da Mulher, em 08/03, e sim como um mês inteiro dedicado para homenageá-las e, claro, para avaliar sobre a presença feminina no mercado de trabalho. Se de acordo com a Academia Brasileira de Ciências as mulheres ainda ocupam apenas 31% do mercado de trabalho e 33% das vagas de Ensino Superior, há empresas em que essa realidade já é bem diferente – não somente em números como em representatividade nos mais diversos cargos e postos de trabalho. No Fort Atacadista, bandeira de atacarejo do Grupo Pereira, com lojas nos estados de Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal, as mulheres já ocupam mais de 47% das vagas de emprego.


De acordo com a vice-presidente de Gente e Gestão do Grupo Pereira, Marília Oliveira, “as mulheres estão presentes em todas as áreas e frentes de atuação do grupo, e essa expressiva presença feminina nos mais diversos setores vêm garantindo muito além do crescimento do negócio em números, mas também proporcionando um ambiente de trabalho com mais sensibilidade, diversidade, inclusão e empatia”. Marília também destaca que essa pluralidade precisa ir além das etnias, condições físicas e de orientação sexual, mas também atentar para a valorização de profissionais de todas as idades. “Somos brancas, pardas, amarelas, negras, estrangeiras e também portadoras de deficiências; somos jovens, mas também podemos ter mais de 60 anos”, completa.


Ao longo do último ano foram 1.611 novas admissões de funcionárias mulheres na rede Fort Atacadista, totalizando 4.091 profissionais empregadas. Também em 2021, outro dado importante: mesmo com tantos desafios enfrentados pela economia brasileira, 381 mulheres conquistaram uma promoção dentro da empresa. Para Jussara Pereira, hoje gerente de uma das maiores lojas da rede, no bairro Kobrasol, em São José (SC), é uma grande conquista estar aos 34 anos liderando uma equipe de mais de 200 colaboradores. “Entrei para o grupo em 2008 como empacotadora, mas sempre visando meu desenvolvimento profissional e atenta às oportunidades proporcionadas pela empresa”, lembra.


Jussara Pereira, gerente da loja Fort no bairro Kobrasol, em São Sosé (SC) _ foto: Divulgação


Outro exemplo também em Santa Catarina é Iria Freitas, atual gerente da unidade Fort Atacadista na cidade de Biguaçu, que ressaltou a importância de ser respeitada. “Desde o momento que iniciei na empresa sempre fui respeitada pelo meu gênero e minha orientação sexual, pois em alguns lugares sabemos dos desrespeitos que ainda existem com as mulheres”, disse Iria, que ingressou na rede em 2020 no cargo de encarregada operacional, logo conquistando uma promoção.


Iria Freitas, gerente da loja Fort em Biguaçu (SC) _ foto: Divulgação


Valorização do potencial
Encarregada de frente de caixa na loja Fort Atacadista de Ceilândia, no Distrito Federal, Rejane Vitória enaltece a valorização dos profissionais e a atenção dos gestores em incentivar a desenvolver os seus potenciais. “Eu posso dizer que a forma como os gestores trabalham é de fato respeitando o direito de todos os funcionários, mas a maneira como a mulher é tratada dentro da empresa é diferenciada. Já trabalhei em outros locais e não vi esse cuidado, esse olhar especial para com as mulheres”, destaca Rejane, que ingressou no Grupo Pereira em 2009 como operadora de caixa.


Com a Daniela Alves Ribeiro, que integra a equipe da loja Fort Atacadista de Cuiabá (MT), o sentimento de reconhecimento e valorização também se faz presente. “Graças a incentivos como o programa ‘Carreira Acelerada’ temos a oportunidade de crescimento; e com a empresa crescendo, nós crescemos juntos, tanto na vida profissional como na pessoal. O conhecimento adquirido é para toda a vida”, declara Daniela, mãe de oito filhos (sendo três vezes de gêmeos) e há 10 anos no Fort. “Para uma mulher liderar uma equipe nos dias atuais é, sem dúvida, um ganho, uma vitória”, conclui.


Em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, outra funcionária do Fort Atacadista comemora o crescimento exponencial ao longo dos 11 anos em que está atuando na rede. “A valorização e presença significativa das mulheres em cargos de grande responsabilidade é o que me dá mais vontade de crescer no grupo. Cresci muito esses anos, tanto profissionalmente quanto pessoalmente”, relata Karla Samia Ajala, que ingressou como repositora de bazar, passando por inúmeros cargos – inclusive operadora de empilhadeira – e hoje é gerente da loja Fort Tiradentes.


Tainara Zamboni, assistente administrativa do Fort em Chapecó (SC) _ Foto: Divulgação


Em Chapecó, no oeste catarinense, estado onde o Fort Atacadista possui 32 lojas, a Tainara Zamboni encontrou na empresa uma oportunidade para reingressar ao mercado de trabalho. “A maioria das empresas quer contratar pessoas experientes, por isso tive bastante dificuldade para conseguir uma oportunidade de trabalho após todo o tempo que fiquei fora do mercado. Porém, no Fort me deu um voto de confiança. Lembro de quando recebi meu primeiro salário e cheguei em casa com as compras do mês. Minha filha, na época com nove anos, me disse: ‘tá vendo, mãe? nós conseguimos!’. Isso me deu força para continuar”, lembra Tatiana, atualmente assistente administrativa do Fort Atacadista de Chapecó.

editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img