18 C
fpolis
quinta-feira, julho 7, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Rudolf Giuliani dá dicas de segurança em Florianópolis

Rudolf Giuliani dá dicas de segurança em Florianópolis

spot_imgspot_img

GIULIANI DEFENDE INTERCÃMBIO POLICIAL E GESTÃO DE RECURSOS PARA MELHORAR SEGURANÇA PÚBLICA

“A redução da criminalidade em qualquer lugar depende de coordenação policial, gestão, acompanhamento e avaliação permanente. O setor de segurança é complicado, os recursos são sempre insuficientes. O grande desafio é como gerenciar os recursos disponíveis e tirar o melhor proveito deles”. A avaliação e o conselho são do ex-prefeito de Nova Iorque, Rudolph Giuliani após se reunir com o vice-governador Leonel Pavan e a cúpula do setor de segurança pública do estado, nesta quarta-feira, 2, pela manhã, no Centro Administrativo do governo.

Famoso por ter reduzido a histórica criminalidade de Nova Iorque em seus dois mandatos de prefeito da cidade de 1994 a 2002, Rudolph Giuliani conheceu a estrutura de funcionamento da Policia Civil, Militar e dos Bombeiros Militares de Santa Catarina, bem como acompanhou números que mostram o desempenho do setor. Antes da palestra sobre gestão e segurança pública que ministrou na noite de terça-feira, no Centrosul, sua equipe já havia identificado e analisado áreas consideradas de risco nos municípios de Navegantes, Camboriú e Florianópolis.

Giuliani defendeu a troca constante de informações entre as policias, trabalho e ações conjuntas, alem do intercâmbio entre os estados brasileiros e mesmo com o sistema norte-americano para que haja uma evolução constante no combate a criminalidade. “Um deve aprender com o outro. Vi muita informação boa aqui. A situação tem melhorado bastante em Santa Catarina, mas o setor precisa de gerenciamento constante”, concluiu ao final do encontro.

Para o vice-governador Leonel Pavan, que fez o convite para Rudolph Giuliani vir a Santa Catarina durante viagem oficial a Nova Iorque no mês de outubro último, a visita ao estado foi proveitosa. “Há muitas diferenças culturais e constitucionais entre o Brasil e os Estados Unidos na área de segurança, mas onde houver possibilidade de adaptar sistemas e projetos, vamos firmar parcerias e intercâmbio permanente e continuar avançando ”, observou Pavan, confirmando que a segurança pública será uma de suas prioridades ao assumir o governo em 2010.

spot_img

Leia mais