16.5 C
fpolis
sexta-feira, outubro 22, 2021
cinesytem

Segurança Pública define ações da Operação Verão

spot_img

Segurança Pública define ações da Operação Verão

spot_img

 O secretário adjunto da Segurança Pública, Fernando Rodrigues de Menezes, acompanhado do Diretor de Integração da SSP, delegado de polícia César Amorim Krieger, coordenou na tarde desta segunda-feira, 24, uma reunião preparatória da Operação Veraneio 2014/2015. O encontro definiu a atuação das instituições que irão participar da cerimônia de abertura, às 10h, do próximo dia 4 de dezembro, na Avenida Beira-Mar do Estreito. As informações são da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado.

A SSP projeta um investimento de mais de R$ 20 milhões, que serão usados no pagamento de diárias para os policiais transferidos de sua base para o Litoral, na contratação dos guardas-vidas civis e na alimentação. Nesta temporada, serão empregados 10 mil profissionais da segurança pública. A operação será concluída em março de 2015.

Ela começa com ações que abrangem mais de 455 quilômetros de extensão de áreas de banho divididos em 155 praias e balneários de 34 municípios do Estado. Só o Corpo de Bombeiros Militar mobilizará um efetivo de 1,2 mil guarda-vidas civis e 400 guarda-vidas militares, em mais de 280 postos de observação no Litoral e no interior. Neste ano, a novidade fica por conta da implantação do serviço no município de Itapiranga, no Extremo-Oeste, e da capacitação do guarda-vidas para orientação ao turista.

Considerada a maior ação programada da Segurança Pública, a O peração Verão consiste no planejamento e na execução de serviços de atendimento aos catarinenses e aos turistas na alta temporada.

No ano passado, o Corpo de Bombeiros Militar realizou cerca de 200 salvamentos com recuperação (banhistas que sobreviveram). Deste total, 188 foram em praias. Quase cinco mil banhistas foram levados pela correnteza em rio ou mar e resgatados por guarda-vidas. Na prevenção contra afogamento, cerca de 3,5 milhões de pessoas foram abordadas na situação de risco.

Participaram da reunião representantes da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto Geral de Perícias, Guarda Municipal de Florianópolis, Marinha do Brasil, Infraero e Departamento de Polícia Federal.

spot_img
spot_img