15.8 C
fpolis
segunda-feira, julho 4, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Seminário vai discutir trânsito e transporte da Capital

Seminário vai discutir trânsito e transporte da Capital

spot_imgspot_img

Na próxima quinta-feira, 20, Florianópolis vai começar uma grande mudança nas questões relacionadas ao trânsito e transporte coletivo com a realização do I Seminário Municipal de Transporte Público, que será realizado no auditório da sede da OAB/SC, na avenida Beira-mar Norte. O evento está sendo coordenado pela comissão especial consultiva permanente para o planejamento e apresentação de sugestões para o transporte público da Capital (COMTRANS) e vai contar com a participação de vários órgãos da Prefeitura, Deter, sindicatos ligados ao transporte urbano e entidades representativas da sociedade civil.

No seminário serão apresentadas as visões das várias entidades envolvidas e sugestões para melhorar o fluxo do trânsito na cidade e a qualidade do sistema de transporte público, buscando atrair cada vez mais usurários, e a redução de veículos nas vias da Capital. O evento será dividido em quatro módulos. Nos três primeiros serão debatidas as questões da mobilidade urbana, as competências legais e as perspectivas e da última etapa sairá uma “carta de intenções” com as ações a serem implantadas no trânsito e transporte.

O primeiro módulo será aberto por um representante do SINTRATURB (Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Urbano de Passageiros da Região Metropolitana de Florianópolis) que vai discorrer sobre a sustentabilidade do sistema. Na seqüência um membro da UFECO (União Florianopolitana das Entidades Comunitárias) vai expor a visão dos usuários sobre o sistema de transporte da Capital e um representante do IPUF (Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis) apresentará um estudo sobre mobilidade urbana e o plano diretor da cidade.

Ainda nesse módulo os empresários apresentarão dados sobre os investimentos no sistema de transporte e a Secretaria Municipal de Obras vai prestar informações sobre infra-estrutura e elencar obras vitais para o trânsito do município. Encerrando a primeira parte a Secretaria dos Transportes e Terminais vai discorrer sobre a visão do gestor para o transporte urbano e apresentar proposta de melhorias.

A segunda fase do seminário vai tratar as questões de competências legais, começando com um representante da OAB/SC falando sobre legislação e normatização da acessibilidade ao transporte. A legislação municipal vigente será apresentada pela Secretara de Governo da Prefeitura e caberá a SUSP (Secretaria de Urbanismo e Serviços Públicos) discorrer sobre fiscalização e uso do solo. Também um membro do Ministério Publico de Santa Catarina vai falar do papel do órgão na garantia do direito das pessoas.

O evento vai ainda discutir alternativas ao uso do carro e do ônibus com uma explanação da ONG Via Ciclo mostrando formas de transporte não motorizado, principalmente a bicicleta como meio de locomoção. Caberá ao DETER apresentar os mecanismos para a integração do transporte intermunicipal e a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) trazer a contribuição acadêmica para um transporte de qualidade. O módulo tratará também do papel e do compromisso dos empresários do município, representados no seminário pela ACIF e CDL.

Após as apresentações os integrantes do evento vão elaborar uma carta de intenções contendo as ações que deverão ser implantadas para a melhoria do fluxo de veículos, trânsito e transporte público, entre elas, medidas que garantam a qualidade cada vez maior do sistema. Para o presidente da COMTRANS, Carlos Guilherme Rocha dos Santos, o seminário vai reunir os principais agentes ligados à vida da cidade e propor soluções para desafogar o trânsito e incentivar cada vez mais o uso de ônibus na Capital.

“Antes mesmo do seminário a comissão já está sugerindo e pondo em prática ações pontuais para tornar o trânsito mais ágil em alguns pontos da cidade”, adianta. Segundo ele, os primeiros pontos atacados serão as avenidas Mauro Ramos, Beira-mar Norte, Paulo Fontes e Gama D´Éça, corredores de ônibus e vias de grande fluxo de veículos.

A COMTRANS também está disponibilizando um endereço eletrônico para que o cidadão envie suas sugestões para melhorar o transito e o transporte de Florianópolis. As propostas podem ser remetidas para o e-mail comtransfpolis@gmail.com .

spot_img