17.3 C
fpolis
terça-feira, agosto 16, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Walther Biselli apresenta sua história de vida em obra autobiográfica

spot_imgspot_img

Walther Biselli apresenta sua história de vida em obra autobiográfica

spot_imgspot_img


Nesta segunda-feira, dia 27 de junho, Walther Biselli, gerente executivo do Beiramar Shopping, lança sua primeira obra, intitulada Vermelho na hora ou roxo depois?. Na produção, ele apresenta sua história de vida a partir do olhar de suas vivências profissionais. Uma narrativa personificada e que vai inserindo o leitor em suas histórias, traçando um paralelo com aprendizados além dos bancos escolares.

“Meus pais têm forte participação no homem que me tornei. O título é, inclusive, um dos grandes aprendizados de família. E mais, nessa minha história, tenho o pai como mestre e a mãe como educadora”, explica Biselli.

Engenheiro civil, sem CREA, como ele mesmo gosta de dizer, é pós-graduado em administração e marketing pela FVG. Foi professor universitário e conselheiro do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa. Membro da Corte Catarinense de Mediação e Arbitragem. Tem como hobbies prática de tiro, tennis e beach tennis, além da paixão pelo motociclismo. Já viajou por mais de 28 países, teve experiências em diversos setores da economia, inclusive em uma das maiores multinacionais de alimentos do mundo.

“Sempre gostei de contar as experiências de minha vida, com os detalhes e quase sempre com as peculiaridades que as envolveram. Talvez pela forma “italiana” e detalhista das narrativas, acabava ouvindo várias sugestões de consolidar tudo em um livro. Em um dos processos de coaching a que me submeti, tive um feedback sobre minha forma de falar e ir engatando um assunto no outros, e ao final o que seria a discussão de um tema, acaba virando uma “dissertação” de fatos similares”, explica Walther Biselli.

Biselli conta ainda que quando começou a escrever não tinha a certeza se iria levar o projeto para frente, ou se seriam apenas recordações em um arquivo docx. Inclusive, o nome da obra mudou no decorrer do caminho. “As primeiras linhas escrevi no início do confinamento, era março de 2020, decreto de quarentena, fechamento dos serviços não essenciais e circulação restrita. Resolvi ocupar parte do meu tempo em homeoffice desta forma, e assim desviar um pouco o foco desta situação terrivelmente, e inédita, em nossas vidas. O arquivo 001 começou com o título ‘O livro que eu não ia escrever´. Pessoas mais jovens sempre me diziam que seria interessante ler um livro com casos como os que eu contava, e eu respondia: só tenho essa vivência porque sou mais velho que você – todos chegaremos lá. Entretanto, quando lembrava do provérbio “experience is a name given to mistakes”, concluía que tive muitos mistakes – sinal de que também tive muitas experiences. Como atuei profissionalmente em vários segmentos da economia, e em empresas de diferentes portes, hoje me autodefino como um especialista em generalidades, ou seja, conhecimentos sem extrema profundidade de cada setor, mas com intensa amplitude. Minha carreira transitei por segmentos como construção civil, alimentos, insumos para embalagens flexíveis, automotivo e bens de consumo, comércio exterior, insumos para agropecuária, indústria farmacêutica, produtos para o lar, motocicletas e bicicletas, e administração de shopping centers. A teoria do camaleão seria perfeita para descrever minha adaptabilidade em transitar nestes segmentos diferenciados”, explica.

A obra é uma produção independente, dividida em 29 capítulos. As narrativas são ilustradas por registros pessoais e que traduzem em retratos as experiências vividas ao longo da vida. A orelha da obra traz uma reflexão de Karina Costa, master coach, traz holofotes para as experiências como aprendizados e a eloquência dos momentos retratados ao longo do texto. Já a contracapa traz um texto da jornalista Adriana Laffin, que convida o leitor, de forma poética, a desacelerar o seu tic tac para aprender lições para aperfeiçoar o futuro. “Em um mundo cada vez mais disruptivo, onde a instantaneidade comanda as necessidades, é um privilégio poder ser transportado para diversas situações, compartilhar experiências e até permitir-se a errar. A obra transita entre o universo de autobiografia, mas trazendo também um olhar sobre a universalidade de nossas dúvidas e questões que muitas vezes geram ansiedades, fazendo com que o leitor passe a buscar um entendimento também sobre seu caminho e mostrando que todos nós temos a capacidade de mudar as nossas vidas”, comenta a jornalista Adriana Laffin.

O lançamento acontecerá na próxima segunda-feira, dia 27 de junho, a partir das 17h30 no Jazz Inn, no piso L2, no Beiramar Shopping.

editor.deolhonailhahttps://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img

Leia mais