20.7 C
fpolis
sexta-feira, dezembro 3, 2021
cinesytem

Análises de obras literárias na Livrarias Catarinense

spot_imgspot_img

Análises de obras literárias na Livrarias Catarinense

spot_img

Análise literárias das obras 1984, de George Orwell e O Pagador de Promessas de Dias Gomes na Capital

No próximo dia 23 de setembro a professora Regina Brasil realiza na Livrarias Catarinense um bate-papo e análise literária de dois clássicos da literatura, os livros 1984, de George Orwell, e O Pagador de Promessas, de Dias Gomes.

“A obra 1984, romance de George Orwell, é uma metáfora da sociedade, a obra acata diversas leituras simples e/ou complexas, desde a crítica ao totalitarismo, até a paradoxal sensação de segurança imposta pela presença da observação constante dos membros da sociedade. E deste livro que sai a impagável personagem Big Brother”, declara Regina.

Já a obra de Dias Gomes O Pagador de Promessas é o interessante retrato da miscigenação religiosa brasileira, tem em sua maior preocupação destacar a sincera ingenuidade e devoção do povo, em oposição a burocratização imposta pelo próprio sistema católico em sua organização interior. “O texto de Dias Gomes tem nítidos propósitos de evidenciar certas questões sócio-culturais da vida brasileira, em detrimento do aprofundamento psicológico de seus personagens”.

Segundo a professora, a ideia desses encontros, que já são realizados há três meses, surgiu da busca por uma série de títulos que deveriam fazer parte da bagagem cultural básica da população. “Além disso, o desejo de decodificá-los a um público leitor ávido de informações e nem sempre com tempo ou base suficiente para uma leitura mais profunda”, comenta.

Entre as temáticas relacionadas as duas obras, destaque para atuação da mídia, política, opressão, dominação, totalitarismo e futuro da humanidade. “Meu objetivo com esses bate-papos é fazer com que se perceba que uma obra de arte – música, pintura, escultura, literatura – comporta bem mais que um simples passar de olhos, tentar descortinar ao leitor a mágica do criar, da arte, da mimese”, afirma Regina.

Quando questionada sobre a relação das obras com a sociedade atual, Regina Brasil é direta: “Um clássico é universal, eterno, mantém sempre ligações com a sociedade, já que é dela que tira sua semente, seu grão e seu produto… é sempre pelo e para o homem que a obra é feita… No caso específico do romance em análise, a obra de George Orwell, a mídia, o poder da língua, a manipulação, a observação opressora da sociedade”.

Sobre a palestrante

Regina Brasil graduou-se em Letras Italiano-Português em 1983 pela UFSC. Passou pelo inglês, pelo italiano e pela gramática, mas a paixão maior é a literatura, com quem tem grande intimidade há mais de 20 anos. Sobre isso, ela diz: “Sou apaixonada pelo que faço, ‘dar aulas’ parece ser uma expressão muito reducionista para a magia que acontece em sala, quando alguém descobre o valor da arte – pintura, música, literatura, cinema… –, quando se apercebe parte de um mundo de novas emoções e sensações, ou seja, quando, saído de uma espécie de egotismo social, alguém abre, finalmente, os olhos para o universo maior que o cerca”.

Atualmente, Regina atua no ensino médio, na preparação para o vestibular e em alguns cursos de Comunicação e Arte, em duas instituições que lhe permitem trabalhar a literatura com “a seriedade, a realização, o empenho e a liberdade inerentes à arte do escrever”, como ela mesma descreve.

Sobre o evento

A análise literária de duas obras clássicas, 1984, de George Orwell, e O Pagador de Promessas, de Dias Gomes, será no próximo dia 23, às 19h30, na Livrarias Catarinense no Beiramar Shopping, Rua Bocaiúva, nº 2468, piso Joaquina, em Florianópolis. A entrada é gratuita. Mais informações pelo telefone (48) 3271.6030.

spot_img
spot_img