15.6 C
fpolis
quinta-feira, outubro 21, 2021
cinesytem

Anoreg/SC faz alerta sobre golpe financeiro contra a população

spot_img

Anoreg/SC faz alerta sobre golpe financeiro contra a população

spot_img

Estelionatários pedem transferência de valores para supostamente evitar o protesto de pessoas físicas e jurídicas


A Associação dos Notários e Registradores de Santa Catarina (Anoreg/SC), entidade que representa os mais de 600 cartórios catarinenses, está fazendo um alerta à população sobre o ressurgimento de uma tentativa de golpe financeiro que já foi verificada há alguns anos no Estado, o “Golpe do Protesto”. A instituição tomou conhecimento de que estelionatários fazem contato com cidadãos se passando por representantes de instituições de crédito ou empresas, avisam sobre uma suposta dívida em aberto e pedem um depósito ou transferência de valor correspondente a um suposto acordo para evitar que a pessoa seja protestada.

“Pessoas mal intencionadas se aproveitam desse momento de crise econômica, em que infelizmente muitos cidadãos têm dívidas contraídas, para tentar aplicar fraudes, e isso vem ocorrendo também com a utilização indevida do protesto. Por isso a importância de alertar a população para que busque confirmar as informações repassadas nesses contatos e evite o pagamento eletrônico de valores sem ter certeza da necessidade”, orienta o presidente da Anoreg/SC, Renato Martins da Silva.

A entidade também informa que as pessoas podem procurar um tabelião nos cartórios de Notas e Protestos para entender o que é necessário para um protesto ser efetivado e para saber se há um protesto em seu nome. Com o avanço da informatização e sistematização de dados nos cartórios de Santa Catarina, a existência de protestos no nome de uma pessoa física ou jurídica também pode ser consultada de forma eletrônica, gratuitamente. Muitos cartórios do Estado possuem um totem eletrônico para esta consulta rápida no local e é possível fazê-la também pelo site https://www.cartoriosdeprotestosc.com/, na na seção “Serviços > Consulta de Protesto”.

Confira abaixo como é praticado o golpe, como preveni-lo, como e onde denunciar e como consultar a existência de protesto:

COMO FUNCIONA O GOLPE:
> Os criminosos entram em contato com a vítima se passando por uma instituição de crédito ou empresa.
> Mencionam que a vítima tem um débito em aberto com eles por algum produto ou serviço.
> Falam que estão dispostos a um acordo com um valor menor, se a vítima fizer um depósito ou transferência em até duas horas.
> Na sequência, informam que, se a vítima não fizer o pagamento, será realizado um protesto em cartório.

COMO PREVENIR:
> Nunca deposite ou transfira valores antes de checar se são de compras reais que você realizou.
> Nunca forneça os seus dados pessoais ou bancários via telefone.
> Cheque informações com o Tabelião de Protestos do cartório mais próximo de sua residência, pois ele ajudar o cidadão a entender o que é necessário para fazer o protesto.

COMO DENUNCIAR:
> Se você sabe de alguém que pode estar praticando este golpe, denuncie pelo telefone 181 ou procure a Delegacia de Polícia mais próxima.
> Caso você tenha sido vítima deste golpe, procure imediatamente a Polícia Civil.
> Você também pode registrar o boletim de ocorrência através da Delegacia de Polícia Virtual de SC: delegaciavirtual.sc.gov.br.

CONSULTA GRATUITA DE PROTESTO:
Qualquer cidadão pode fazer uma consulta gratuita para saber se há algum protesto em seu nome. É possível consultar diretamente no cartório de Notas e Protestos mais próximo ou de forma on-line pelo site www.cartoriosdeprotestosc.com/, na seção “Serviços > Consulta de Protesto”. Muitos cartórios de Santa Catarina também possuem um totem eletrônico onde o cidadão pode fazer a consulta de forma rápida.
……………………………………..

CRÉDITO FOTO: Jaison James. LEGENDA FOTO: Qualquer cidadão pode buscar orientações sobre o protesto em cartório de Notas e Protestos

editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img
spot_img