20.6 C
fpolis
quinta-feira, setembro 23, 2021
cinesytem

Evento discutirá Florianópolis na Economia Criativa e a Gastronomia

spot_img

Evento discutirá Florianópolis na Economia Criativa e a Gastronomia

spot_img

Com palestra de abertura do Coordenador Geral de Recursos Humanos do CNPq, Eduardo Barroso, e mesa debatedora com a presença de Alex Floyd, da Alameda Casa Rosa, Célio Salles, do Conselho de Administração Nacional da Abrasel e João Lombardo, do Pão Italiano, será realizado na próxima segunda-feira (28/03), das 14 às 18 horas, no Auditório do SEBRAE/SC, o evento “A Economia Criativa e a Gastronomia em Florianópolis”. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até quinta-feira (24/03), pelo telefone 3225 5815. O Auditório do Sebrae-SC fica na Avenida Osmar Cunha, 278, Centro, Florianópolis.

O evento é uma promoção do projeto “Florianópolis Cidade Unesco da Gastronomia”, uma iniciativa da FloripAmanhã, com a participação da Prefeitura Municipal de Florianópolis, Fundação de Apoio a Pesquisa do Estado de Santa Catarina (FAPESC), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL/SC), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (SEBRAE/SC), e Santa Catarina Turismo S/A- SANTUR.

Conhecedoras do potencial econômico e cultural que a Gastronomia representa para Florianópolis, este grupo de entidades está trabalhando para integrar a capital catarinense na Rede Mundial de Cidades Criativas da UNESCO como Cidade da Gastronomia.

Para justificar esta ambição e pleitear o reconhecimento da UNESCO, foi elaborado um Dossiê sobre a Gastronomia em Florianópolis e sua região de influência, abordando o patrimônio histórico-cultural da gastronomia; a infra-estrutura e a característica da culinária existente; os principais insumos locais e regionais; os modos de fazer; os saberes e formas de expressão cultural; estudos e projetos; festivais gastronômicos; plano de capacitação; potencial de divulgação e aspectos ligados ao respeito pelo meio ambiente.

A busca dos dados e a organização das informações contou com o apoio de várias entidades, unidas no Grupo Gestor do Projeto Florianópolis Cidade UNESCO da Gastronomia, sob a coordenação da Associação FloripAmanhã.

Os resultados visados são o incremento do turismo qualificado, incentivo à formação especializada, produção de novos artefatos de suporte e agregação de valor à gastronomia local, gerando novas possibilidades de negócios com intercâmbios nos diversos segmentos e contribuindo assim para o desenvolvimento sócio-econômico e cultural da cidade.

A obtenção do titulo Cidade UNESCO da Gastronomia desencadeará uma espiral virtuosa de realizações afirmativas:

* Missão técnica para conhecer e estabelecer vínculos de cooperação e intercâmbio com as demais cidades gastronômicas definidas pelas UNESCO.
* Realização de um festival gastronômico anual, com a participação de “chefs” convidados das demais cidades criativas, envolvendo expressivo número de bares e restaurantes locais como espaços de acolhimento dos visitantes estrangeiros. A primeira edição do festival ocorrerá quando da concessão pela UNESCO do titulo “Florianópolis – Cidade da Gastronomia.
* Premiação bianual para os melhores restaurantes de Florianópolis, a partir de critérios que incentivem a melhoria dos serviços e produtos oferecidos;
* Publicação de uma Guia anual com a oferta gastronômica qualificada de Florianópolis.
* Criação do Observatório da Gastronomia, com o objetivo de fomentar a ampla circulação de informações relacionadas à cadeia produtiva da gastronomia;

spot_img
spot_img

Leia mais