15.6 C
fpolis
quinta-feira, outubro 21, 2021
cinesytem

Festival de Mochi apresenta os costumes e tradições da cultura japonesa

spot_img

Festival de Mochi apresenta os costumes e tradições da cultura japonesa

spot_img

O Festival de Mochi que acontecerá na Praça XV, no dia 09 de novembro a partir das 10 às 19 horas tem o apoio e patrocínio da Prefeitura de Florianópolis e da Fundação Cultural Franklin Cascaes, onde apresentará  os costumes e tradições da cultura japonesa de final e início do ano.

O Japão costuma descansar entre o Natal e o Ano Novo, período chamado Golden Week, ocasião em que as famílias e as comunidades se reúnem para os preparativos das festas. Reunem-se para apiloar o mochi e fazer outros pratos típicos da ocasião.

Comer o mochi, na sopa, salgado ou doce, faz parte do ritual de renovação da esperança de fartura à mesa durante todo o ano que se inicia. O apiloamento (amassar o arroz no pilão) coletivo faz parte do rito de passagem do ano, da confraternização das famílias e amigos, assim como a sopa chamada “Toshikoshi Soba”.

 Soba em japonês, além do nome do macarrão, significa também perto, escrito de forma diferente com outrokanji. O fio do soba, feito de trigo sarraceno, é longo e resistente. Tomar a sopa expressa o desejo de “que no ano vindouro estejamos todos perto, que nossa união seja longa e resistente, como o soba”.

O que é Mochi? Mochi é um bolinho feito de arroz glutinoso (mochigome), cozido, apiloado, amassado e depois moldado. Será também apresentado o Shichigosan que significa 3, 5 e 7 – comemorado todos os anos no mês de novembro no dia 15 porque 15 é a soma das idades, e no mês de novembro porque é o único mês em que os algarismos são iguais (1 e 1), consentâneo com a predileção japonesa pela repetição de números.

 O dia das Meninas – Hinamatsuri_ é comemorado no dia 3 de março e o Dia dos Meninos no dia 5 de maio, antigamente chamado de Tango no Sekku). Na cultura japonesa algumas idades são consideradas de mau agouro, perigosas para a saúde e para a vida e estas são as da idade infantil.

 Talvez porque, no Japão antigo a taxa de mortalidade infantil era muito alta nestas idades e quando as crianças  sobreviviam, as famílias em agradecimento levavam-nas ao santuário vestidas com trajes especiais para a ocasião. É quando o menino pela primeira vez usa o traje formal masculino e a menina, aos 7 anos, é vestida  e maquiada como adulta.

O evento contará com feira de artesanato, culinária japonesa e produtos feitos com mochi, produtos orientais, oficinas e apresentações!

 

 

spot_img
spot_img