19.1 C
fpolis
segunda-feira, setembro 27, 2021
cinesytem

Ficção Brasil inicia nesta quinta-feira na Fundação Cultural Badesc

spot_img

Ficção Brasil inicia nesta quinta-feira na Fundação Cultural Badesc

spot_img

A FCBadesc inicia o projeto Ficção Brasil com a exibição de Durval Discos nesta quinta-feira, dia 31. O longa dirigido por Anna Muylaer narra a história de Durval (Ary França), dono de uma loja decadente de vinis que tenta resistir à era do CD. O protagonista vive com sua mãe, Carmita (Etty Fraser), e contrata uma empregada para ajudar no trabalho de casa. Célia (Letícia Sabatella), a candidata ao emprego, chega com uma pequena garota, Kiki (Isabela Guasco). Após alguns dias, a empregada desaparece deixando Kiki e um bilhete avisando que voltaria para buscá-la dentro de 3 dias. Ao assistir o telejornal, mãe e filho descobrem a realidade em torno de Célia e Kiki.
Durante o ano, doze filmes selecionados farão parte das sessões mensais de Ficção Brasil. Os títulos abrangem desde clássicos como Terra em Transe (1967), de Glauber Rocha, até produções recentes como Cinema, Aspirinas e Urubus (2005), de Marcelo Gomes.
A iniciativa tem curadoria de Fifo Lima e parceria com a Programadora Brasil. As sessões são gratuitas e acontecem sempre às 19h.

Filmes exibidos no projeto Ficção Brasil 2011

1967 – Terra em Transe, de Glauber Rocha
1967 – Esta Noite Encarnarei do Teu Cadáver, de José Mojica
1978 – A Lira do Delírio, de Walter Lima Júnior
1983 – Sargento Getúlio, de Hermano Penna
1988 – A Dama do Cine Shangai, de Guilherme de Almeida Prado
1993 – Os Matadores, de Beto Brant
1996 – Durval Discos, de Anna Muylaert
1997 – Um Céu de Estrelas, de Tata Amaral
1998 – Boleiros, de Ugo Giorgetti
2001 – Madame Satã, de Karim Ainouz
2001 – Netto Perde Sua Alma, de Beto Souza e Tabajara Ruas
2005 – Cinema, Aspirinas e Urubus, de Marcelo Gomes.

spot_img
spot_img

Leia mais