20 C
fpolis
sábado, maio 28, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Figueirense empata com Bahia no Pituaçu

spot_img

Figueirense empata com Bahia no Pituaçu

spot_imgspot_img

O Figueirense foi a Salvador na tarde do último sábado (31) e arrancou um empate com o Bahia pelo placar de 2×2, no estádio Pituaçu, em partida válida pela 11° rodada do Campeonato Brasileiro da série B.

Superando as marcações equivocadas da arbitragem e a forte pressão exercida pela equipe baiana que aproveitou o fator casa, o alvinegro catarinense que saiu na frente do marcador e sofreu a virada na segunda etapa, teve nos pés do estreante Reinaldo a concretização do segundo gol que deu números finais ao placar.

Com o atacante Reinaldo liberado para atuar com o Bahia, o treinador Márcio Goiano promoveu uma mudança no esquema tático da equipe entrando em campo no sistema 4-4-2, com a entrada do atacante ao lado de Willian na frente, deixando o meia Roberto Firmino no banco de reservas.

O Figueirense que entrou em campo exercendo forte pressão no adversário, teve uma chance clara desperdiçada pelo ídolo Fernandes logo aos três minutos de partida, depois de receber de Willian livre na área. Porém dez minutos depois, a dupla voltou a atuar de forma entrosada para abrir o marcador para o Furacão, com uma jogada que começou de um cruzamento de Lucas para Fernandes. O meia chutou forte e teve a bola desviada pela defesa, que não contava com a presença do baixinho Willian no lance, para empurrar para o gol, marcando o sexto pela competição.

Em desvantagem no marcador, o time baiano buscou o gol de empate, e acabou anotando aos 29 minutos da primeira etapa depois de uma marcação duvidosa da arbitragem, que assinalou a penalidade após dividida do volante Ygor com Ananias. Rodrigo Grau bateu firme no canto direito de Wilson para deixar tudo igual.

Segundo tempo

O Furacão voltou a campo com o meia Roberto Firmino no lugar de Fernandes apostando na velocidade para virar a partida. Já o time baiano, que jogava em casa, também veio determinado a virar o jogo, com a alteração feita pelo treinador Renato Gaúcho que promoveu a entrada do atacante Jael no lugar do lateral-direito Bebeto, deixando a equipe mais ofensiva.

A vontade de buscar o resultado, demonstrada pelas duas equipes incentivou um início de jogo equilibrado, com muitas faltas para os dois lados. O volante Ygor que recebeu amarelo logo no início da segunda etapa, irá cumprir suspensão automática na próxima partida com o terceiro amarelo.

O Figueirense levou perigo ao gol adversário logo aos sete minutos, depois de bela jogada de Roberto Firmino que encontrou Reinaldo livre para chutar, para boa defesa do goleiro Renê. Logo em seguida, o time alvinegro foi surpreendido pela marcação equivocada da arbitragem, depois de Jael, que era marcado por João Filipe cair na área, sem ser tocado pelo zagueiro alvinegro. Rodrigo Grau cobrou e o goleiro Wilson chegou a tocar na bola mas não evitou a virada do time baiano.

Mesmo com a pressão do time baiano, que aproveitou a vantagem no marcador, o alvinegro quase empatou aos 25 com Marcelo Nicácio, que havia entrado no lugar de Willian que saiu sentindo a coxa.

Mas o gol de empate alvinegro foi sacramentado dos pés do estreante mais esperado pela torcida alvinegra. Depois da cobrança de falta de Lucas aos 35 minutos, a bola bateu na barreira e sobrou para Reinaldo que provou sua qualidade e deixou tudo igual no placar.

Com o resultado, o Figueirense chegou aos 21 pontos e se manteve na terceira posição na tabela de classificação. O time alvinegro volta a campo no próximo sábado (7) para enfrentar o Icasa no estádio Orlando Scarpelli.

Ficha técnica

O Bahia veio a campo com: Renê; Bebeto (Jael), Nen, Vagner e Ávine; Fabio Bahia, Hélder, Rogerinho e Morais (Vander); Ananias e Rodrigo Gral.

Já o Figueirense foi escalado com: Wilson; Lucas, João Filipe, Roger Carvalho e Juninho; Ygor, Coutinho, Maicon e Fernandes (Roberto Firmino); Willian (Marcelo Nicácio) e Reinaldo (Jeovânio).

spot_img