23.3 C
fpolis
sexta-feira, dezembro 3, 2021
cinesytem

Floram concede 17 autorizações de pesca em Florianópolis

spot_imgspot_img

Floram concede 17 autorizações de pesca em Florianópolis

spot_img

A partir do dia 15 pescadores de Florianópolis terão locais delimitados para realizar a pesca da tainha.

RBS TV e Rádio CBN também estiveram presentes na entrega das autorizações aos pescadores.

Na tarde desta terça-feira o diretor superintendente da Floram, engenheiro Gérson Basso fez a entrega das autorizações para pesca da Tainha que tem inicio no dia 15 próximo e termina no dia 31 de Julho. As associações de pescadores terão 17 ranchos para realizar seu trabalho em sete praias da Capital.

Pelo Termo de Compromisso de Responsabilidade e Ajuste de Conduta assinado, os pescadores artesanais são uma espécie de comunidade tradicional cuja preservação, bem como seus meios de subsistência, reveste-se de interesse público, por conseguinte, há possibilidade de cessão de uso de áreas da União para construção de ranchos as embarcações utilizadas na atividade da pesca.

Presente na entrega, o presidente do Sindicato dos Pescadores de Santa Catarina, Osvani Gonçalves ressaltou a estimativa em 12 milhões de quilos de tainha, entre pesca artesanal e industrial.

Ao todo foram 17 autorizações entregues. Cada rancho tem a capacidade para no máximo cinco pescadores. O diretor superintendente Gerson Basso orienta aqueles que não realizaram o pedido, para que procurem o Sindicato no máximo em três dias, para que este encaminhe oficio a Floram para posterior autorização até o dia 20 deste mês. Depois deste prazo, não será mais expedido o Termo que dá direito a pesca.

O biólogo Francisco Antônio alerta que qualquer dano ao ambiente natural no local e no entorno é de inteira responsabilidade do pescador ou da associação se assim for o caso. E mais, o barraco deve ser construído suspenso do chão em pelo menos 0.50 centimetros e feito em material de fácil remoção.

spot_img
spot_img