19.1 C
fpolis
segunda-feira, setembro 27, 2021
cinesytem

Desafio Solar Brasil acontece nesta semana em Florianópolis

spot_img

Desafio Solar Brasil acontece nesta semana em Florianópolis

spot_img

Rali de barcos movidos à energia solar, realizado pela UFSC e com o apoio da Prefeitura Municipal de Florianópolis, acontece no mês de fevereiro em Florianópolis.

O Desafio Solar Brasil é um rali de barcos movidos à energia solar que visa ao uso de tecnologias comercialmente disponíveis, de maneira a maximizar a eficiência e causar pouco ou nenhum impacto ambiental, como também estimular o desenvolvimento de novas tecnologias aliadas à energia solar fotovoltaica.

Inspirado no Frisian Solar Challenge – competição realizada a cada dois anos na Holanda – a ideia de realizar uma versão brasileira surgiu com a equipe da UFRJ e em 2011, o Desafio Solar Brasil acontecerá na capital de Santa Catarina, de 12 a 19 de fevereiro. Neste evento, as equipes serão instigadas a desenvolver um modelo energético para movimentar uma embarcação. A proposta deve, além de ser capaz de conduzir a embarcação com eficiência, ser limpa, sem queimar combustíveis fósseis e pretende-se, também, colocar em prática as soluções desenvolvidas em áreas de preservação ambiental, como a Lagoa do Peri, no sul de Florianópolis, que não permite a utilização de barcos movidos a combustíveis fósseis.

Pela primeira vez em Florianópolis, um rali de barcos movidos a energia solar será uma referência nacional em competições esportivas com fins acadêmicos. A ideia é atrelar a competição esportiva ao desenvolvimento de tecnologia e sustentabilidade. Os objetivos específicos são:

Visibilidade – O evento ocorrerá nos principais cartões postais de Florianópolis, como a Lagoa da Conceição e a Beira Mar Norte, em uma época do ano em que a cidade está repleta de turistas.

Inovação – Fomentar o uso de uma embarcação autônoma e que não traga danos ao meio ambiente. As equipes necessitam utilizar novas tecnologias aliadas à criatividade para construção de barcos mais eficientes e de possível utilização diária.

Democratização – O evento não visa fins lucrativos, de modo que as regatas realizadas serão abertas a todo o público interessado e as oficinas oferecidas à comunidade serão gratuitas, fornecendo igualdade de oportunidade e acesso ao evento como um todo.

Distribuição geográfica – Estão convidadas qualquer instituição ou universidade brasileira que queira participar do desafio. A intenção é ter o maior número de participantes e instigar nas mesmas a realização de projetos cada vez melhores.


Maiores informações sobre o evento no blog: http://dsbflorianopolis.blogspot.com
Ou com o coordenador do projeto: Tassio Simioni
tassiosimioni@hotmail.com
Telefone: (48) 9962 1696

spot_img
spot_img

Leia mais