25.4 C
fpolis
sábado, janeiro 22, 2022
cinesytem

Organizadores do Desafio das Estrelas fazem vistoria no kartódromo

Organizadores do Desafio das Estrelas fazem vistoria no kartódromo

spot_img

Pista está sendo construída no Sapiens Parque, em Canasvieiras, Norte de Florianópolis.

Jean Balbinotti | jean.balbinotti@diario.com.br

A contagem regressiva para a quinta edição do Desafio Internacional da Estrelas foi dada nesta quarta-feira, em Canasvieiras, no Norte de Florianópolis. Os organizadores da prova, Luís Antonio Massa e Carlinhos Romagnolli, fizeram vistoria no local que abrigará uma das provas de kart mais importantes do automobilismo mundial.

O novo kartódromo, de 1,2 mil metros de extensão e capacidade para receber 20 mil pessoas, está sendo construído no Sapiens Parque. No total, R$ 3 milhões, provenientes da Lei de Incentivo ao Esporte do Governo do Estado, serão gastos na obra. O evento ocorrerá nos dias 27, 28 e 29 de novembro e, no momento, a maior preocupação é com o asfaltamento da pista.

As chuvas que atingiram Florianópolis nas últimas semanas atrasaram o início das obras. Segundo o presidente da Federação de Automobilismo de Santa Catarina (Fauesc), Jairo Albuquerque, o trabalho de colocação do asfalto deve começar na próxima semana. Até lá, os operários tentam acelerar o plantio de grama nas “ilhas” (parte interna) do novo kartódromo. Por último, serão instaladas as arquibancadas móveis.

— O trabalho está dentro do cronograma. Tivemos um pequeno atraso, mas nada que inviabilize a realização do evento — disse Albuquerque.

Ao conferir o novo palco do Desafio Internacional das Estrelas, Romagnolli confirmou suas expectativas e destacou que, por reunir tantos pilotos importantes de diferentes categorias em uma prova festiva, o evento idealizado por Felipe Massa é hoje, sem dúvida, o mais representativo do gênero em nível mundial.

— Aqui estarão pilotos consagrados e, para mantermos o mesmo nível, tínhamos que contar com um palco de estrutura diferenciada. Neste ponto, o Sapiens Parque vai atender perfeitamente — ressaltou.

Massa vive a expectativa do retorno

Um dos atrativos da edição deste ano do Desafio das Estrelas será o retorno de Felipe Massa às pistas de corrida. No dia 25 de julho deste ano, Massa sofreu um grave acidente durante o treino classificatório para o GP da Hungria, quando uma mola desprendeu-se do carro de Rubens Barrichello e atingiu em cheio o capacete do piloto. Por causa do impacto, ele ficou internado alguns dias em hospitais da Hungria e do Brasil e, depois, passou por uma cirurgia reparadora no rosto, em cima do olho esquerdo, local atingido pela mola.

Luís Antonio Massa, pai de Felipe, garantiu que o piloto já está totalmente recuperado do acidente e ansioso para retornar às pistas.

— O Felipe só não voltou a pilotar ainda por precaução. Mas, no final de novembro, os catarinenses terão o privilégio de vê-lo novamente em ação — destacou Luís Antonio.

Além de Felipe, o alemão Michael Schumacher, sete vezes campeão do mundo; e os italianos Vitantonio Liuzzi, da Force India; e Luca Badoer, pilotos de testes da Ferrari, estão confirmados. O substituto de Felipe na equipe italiana, Giancarlo Fisichella, também tem boas chances de competir em Florianópolis. Já o espanhol Fernando Alonso, parceiro de Massa na Ferrari, em 2010, recebeu o convite e ainda não deu resposta.

Entre os brasileiros, destaque para Rubens Barrichello, da Brawn GP; Lucas Di Grassi, piloto de testes da Renault; e Nelsinho Piquet. Existe a possibilidade de uma mulher participar do evento, a piloto Bia Figueiredo, que já disputou a Fórmula-3 Sul-Americana e atualmente compete nos Estados Unidos, em uma categoria de acesso à Fórmula-Indy.

spot_img
spot_img