14.6 C
fpolis
quarta-feira, setembro 22, 2021
cinesytem

Sessões extraordinárias exibem documentário indicado ao Oscar em Florianópolis

spot_img

Sessões extraordinárias exibem documentário indicado ao Oscar em Florianópolis

spot_img

Lixo Extraordinário estreia no Paradigma Cine Arte

Quem veria arte em um dos maiores lixões da América Latina? O trabalho de Vik Muniz é retratado no documentário “Lixo Extraordinário”, dirigido por Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley. Muniz faz exatamente isso: fotografa personagens do grupo de catadores do aterro sanitário Jardim Gramacho, na periferia do Rio de Janeiro. Em Florianópolis, a produção está em cartaz a partir da sexta-feira, 4, pelo Paradigma Cine Arte.

“O filme tem efeito arrebatador por juntar arte e lixo, elementos quase opostos, não só pelo valor estético, mas também por sua representação social”, diz o crítico do jornal O Globo, André Mirando, a respeito da produção, que foge da temática tráfico/favela/polícia. Mostra algo dificilmente retratado no Brasil: a arte. Na opinião dela, o mais inovador é o público estrangeiro ter a oportunidade de ver a arte e a realidade social brasileira em uma mesma obra.

Indicado pela categoria melhor documentário no Oscar 2011, o filme está entre os poucos brasileiros já indicados para a premiação. Para os cinéfilos, a virtude está na direção que soube focar exatamente onde é mais sensível ao olhar de quem assiste: na espontaneidade dos personagens de um local tão suburbano. O filme estará em cartaz até quinta-feira, 10. Os horários estão no site www.paradigmacinearte.com.br

spot_img
spot_img

Leia mais