24.7 C
fpolis
sexta-feira, janeiro 14, 2022
cinesytem

Três mulheres recebem a Medalha Cruz e Sousa na Câmara de Vereadores

Três mulheres recebem a Medalha Cruz e Sousa na Câmara de Vereadores

spot_img

Na primeira sessão da Câmara de Vereadores de terça-feira, dia 10 de maio, foi realizada a entrega da Medalha Cruz e Sousa a três mulheres abnegadas e influentes na comunidade negra da Capital. A honraria que tem o nome do poeta catarinense João da Cruz e Sousa (1861-1898), maior nome do simbolismo brasileiro, tem por finalidade homenagear pessoas negras ou defensores da raça negra nas áreas cultural, desportiva, social e educacional em Florianólis.

Moradora do Ribeirão da Ilha, a técnica de enfermagem Dilma Ferminiano Ribeiro, que coordena um trabalho de atendimento e acompanhamento dos pacientes de HIV/Aids no Hospital Regional de São José, recebeu a sua medalha das mãos do vereador Aurélio Valente (PP).

O vereador Asael Pereira (PSB) entregou a medalha a Maria das Graças Carneiro, carioca radicada há muitos anos na Capital e que coordena o projeto social Quizomba, da Escola de Samba Consulado, e também o boi-de-mamão do Porto da Lagoa.

E a mestre em História Social pela UFSC, Maria das Graças Maria, recebeu do vereador Edinon da Rosa, o Dinho (PSB), a sua medalha pelo seu trabalho junto ao movimento negro e por sua dissertação de mestrado intitulada Imagens Invisíveis de Áfricas Presentes, que trata das experiências cotidianas da população afrodescente de Florianópolis entre os anos 1930-1940.

spot_img
spot_img