20.8 C
fpolis
segunda-feira, outubro 25, 2021
cinesytem

Tribunal de Contas fará auditoria em rodovias estaduais que estão em obras

spot_img

Tribunal de Contas fará auditoria em rodovias estaduais que estão em obras

spot_img

O Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE) aprovou, na sessão ordinária de 1º de julho, pedido da Assembleia Legislativa para realização de auditoria e tomadas de contas nas obras de revitalização e restauração de rodovias estaduais. Com base na leitura do relatório do processo, feita pelo auditor Gerson dos Santos Sicca, o pleno determinou que fosse verificada a situação de 24 rodovias, incluindo a SC-405, em Florianópolis. As informações são da assessoria de comunicação do TCE.

A auditoria será incluída na Programação de Fiscalização 2015/2016 do TCE/SC e ficará sob a responsabilidade da Diretoria de Controle de Licitações e Contratações (DLC). Conforme a decisão, prevista para ser publicada no Diário Oficial Eletrônico de 31 de julho, a primeira ação será a realização de diligência no Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), visando à obtenção de documentos e informações necessárias.

Para verificar possíveis paralisações e abandonos nas obras, serão analisados os contratos e os termos aditivos de cada uma das obras, com as devidas justificativas técnicas e pareceres jurídicos; o cronograma de execução constante do edital e o atualizado (se existir); a descrição do andamento da obra, do aumento do prazo de execução (de acordo com o termo aditivo realizado, se existir), das paralisações ocorridas (se existir) e, ainda, o resumo das medições e pagamentos realizados.

Em seu relatório, a diretoria técnica destaca que não será necessária a atuação do TCE/SC nas obras da SC-403, pois a rodovia já é objeto de análise no processo RLA 14/00600909, que atualmente está em fase de análise das justificativas já apresentadas em audiência.

O pedido para a realização de auditoria foi feito a partir de indicação do deputado Dirceu Dresch, aprovado pelo plenário da Alesc em 18 de março. Segundo o deputado, o volume de recursos anunciado pelo Governo do Estado destinado aos investimentos no setor e as manifestações recebidas por ele quanto ao descaso, paralisação e abandono das revitalizações das rodovias estaduais motivaram a solicitação.

spot_img
spot_img