20.4 C
fpolis
quarta-feira, dezembro 1, 2021
cinesytem

Cabeceiras do Elevado Rita Maria começam a ser construídas

spot_imgspot_img

Cabeceiras do Elevado Rita Maria começam a ser construídas

spot_img

Obra prevê implantação de blocos de isopor para evitar desníveis.

O Elevado Rita Maria já está com 95% de sua estrutura principal concluída, faltando somente a instalação de guarda-rodas. Na obra, dividida em três etapas: estrutura principal, cabeceiras e sistema viário, já foram investidos R$ 5,8 milhões.

Atualmente, os trabalhos se concentram na construção das cabeceiras que, segundo o diretor de Obras da Capital, Rafael Hahne, traz uma inovação: o projeto prevê a substituição dos aterros pela implantação de blocos de EPS (isopor de alta densidade) para diminuir o peso sobre o local e tentar evitar os desníveis.

O prazo para conclusão do elevado é julho do ano que vem, no entanto, de acordo com a Secretaria Municipal de Obras, se o tempo ajudar, é provável que seja entregue à população antes.

Com 390 metros de extensão, 8 metros de largura, e duas pistas em sentido único – Pedro Ivo e Beira-mar Norte – o elevado Rita Maria terá capacidade para um fluxo de 50 mil veículos por dia. A obra, orçada em R$ 8 milhões, vai melhorar o trânsito para quem sai da ponte Colombo Salles e pega a Avenida Beira Mar Norte.

spot_img
spot_img