20.3 C
fpolis
sexta-feira, janeiro 28, 2022

A PRÓ-MÚSICA apresenta "O Barbeiro de Sevilha de Rossini"

A PRÓ-MÚSICA apresenta "O Barbeiro de Sevilha de Rossini"

spot_img

Ópera em dois atos com libreto de Cesare Sterbini, baseado na comédia Le Barbier de Séville, de Pierre Beaumarchais.

11, 13, 14 e 15 de Novembro de 2009
Teatro Governador Pedro Ivo-Florianópolis SC

ELENCO

Fígaro- Douglas Hahn
Rosina – Kalinka Damiani
Conde de Almaviva- Marcos Liesenberg
Don Bartolo – Pepes do Valle
Don Basílio Carlos Eduardo Marcos
Berta – Claudia Ondrusek
Fiorello – Javier Venegas
Oficialle – Bruno Buzato

CONHEÇA OS INTÉRPRETES DO BARBEIRO DE SEVILHA

FÍGARO Douglas Hahn-barítono

Natural de Joinville/SC teve sua formação com Rio Novello e Neyde Thomas em Curitiba/PR. Fez sua estréia em Florianópolis em 1996 com a ópera Il Guarany e no ano seguinte estreou no Theatro Municipal de São Paulo iniciando assim sua carreira e trajetória nos mais importantes teatros e salas de concertos do Brasil. Sua estréia na Itália aconteceu em 2006 com Don Giovanni e La Bohème na cidade de Adria/Rovigo. No Theatro Municipal do Rio de Janeiro atuou nas produções de Un Ballo in Maschera, L’elisir d’amore, Missa de Coroação e Carmina Burana. À convite da Pró Música de Florianópolis atuou em A Flauta Mágica, Rigoletto, Réquiem de Mozart, La Traviata e L’elisir d’amore. Recentemente no Teatro Municipal de São Paulo participou das óperas La Fille du Régiment, L’italiana in Algeri, Falstaff e Le Villi. Recentemente foi homenageado com o Troféu Aldo Baldin 2008 pela Pró-Música de Florianópolis.

ROSINA Kalinka Damiani – soprano

Catarinense, aperfeiçoou-se com Neyde Thomas. Seus principais prêmios foram: Melhor Soprano Leggero – IV Concurso Maria Callas; 1° lugar e troféu ABAL de Melhor Intérprete de Carlos Gomes – Concurso Carlos Gomes; 1º Prêmio La Traviata – Concurso Aldo Baldin; 1° lugar – Concurso Bianca Bianchi; Melhor Intérprete de Mozart; Grande Prêmio do Público – V Concurso Maria Callas. Principais papéis em óperas e obras para solistas e orquestra: ópera Elisir d’Amore, La Serva Padrona (100 récitas), La Traviata, Capuletti I Montecchi, A Flauta Mágica, O Empresário, Rigoletto, Lucia di Lammermoor, Il Guarany, Giulio Cesare, O Rapto do Serralho, Nona Sinfonia de Beethoven e Réquiem de Mozart. Atuou sob a regência dos maestros Oswaldo Colarusso, Tullio Colacioppo,Mario de Rose, Silvio Barbato, Alessandro Sangiogi e Jeferson Della Rocca. Sobre sua performance em La Traviata em Florianópolis (2.000) a revista Opera Actual de Barcelona assim se expressou: “sobresalió Kalinka Damiani con una excelente preparación a nível vocal e interpretativo, con una voz de timbre elegante.” Em 2007 e 2008 à convite da Pró-Música interpretou novamente o papel de Violetta (La Traviata) em Florianópolis e Jaraguá do Sul. Em 2009 dirigiu com grande êxito o espetáculo A Flauta Mágica apresentado em várias cidades catarinenses.

CONDE DE ALMAVIVA Marcos Liesenberg – Tenor

Catarinense de grande destaque no cenário lírico nacional, atualmente desenvolve carreira na Europa (Áustria, Alemanha e Itália). Seu repertório abrange música de concerto e câmara, oratório, ópera, opereta e musical. Atuou nas óperas, A Flauta Mágica, O Barbeiro de Sevilha, O Elixir do Amor, Così fan tutte, O Barbeiro de Sevilha, Don Giovanni, Contos de Hoffmann, Turandot e MacBeth, nas operetas Uma Noite em Veneza, Princesa das Czardas, Viúva Alegre, Im Weissen Rössl, e nos musicais On The Town e O Pequeno Lord Remi. Repertório solístico : Paixão Segundo São João e São Mateus, Oratório de Natal, de Bach, O Messias de Händel, Nona Sinfonia de Beethoven, Réquiem de Mozart, Zigeunerlieder de Brahms, Dichterliebe de Schumann e Missa Solene de Gounod. Integrou a Camerata Antiqua de Curitiba entre 1996 e 1998. Conquistou o 3o. Prêmio no V Concurso Internacional de Canto Bidu Sayão em 2004.

DR. BARTOLO Pepes do Valle – Baixo

A voz intensa e expressiva faz do baixo Pepes do Valle um dos principais cantores brasileiros da atualidade. Sua carreira, no entanto, não se limita a uma bela voz.É preciso falar também de qualidades como sua grande musicalidade e seu afinado timing cênico. A evidência dessas qualidades tem sido elogiada pela crítica especializada tornando o artista presença frequente nos principais palcos dos quatro cantos do país: do Teatro Guaíra, em Curitiba, ao Teatro Amazonas, em Manaus. E sempre em uma grande variedade de papéis: mesmo um olhar rápido no repertório de Pepes, nesses últimos anos, mostra a capacidade do cantor de abarcar música de diversos estilos e períodos. Pepes do Valle deixou marcas inconfundíveis na interpretação de papéis como Don Magnifico (La Cenerentolla) Bartolo (il Barbiere di Siviglia- Le Nozze di Figaro) Leporello (Don Giovanni)Zarastro (Die Zauberflöte) Elmiro (Otello-Rossini) Oroveso (Norma) Don Annibale Pistachio (Il campanello di Note) Dulcamara (L´elisir d`amore) Principe Gremin (Eugene Onegin) Alberich (Siegfried,Götterdämmerung, Das Rheingold)

DON BASÍLIO Carlos Eduardo Marcos – Baixo

Estudou com Mitzi Frölich, Martha Herr e Caio Ferraz, sendo atualmente orientado por Benito Maresca. Carlos Eduardo tem interpretado os principais papéis nas óperas Otello, Nabucco e La Forza Del Destino (Verdi), Il Guarany e Condor (Carlos Gomes), Le Nozze di Figaro e Der Schauspieldirektor (Mozart), Il Signor Bruschino e Il Barbiere di Siviglia (Rossini), Orfeo e Ballo delle Ingrate (Monteverdi), The Rake’s Progress (Stravinsky), Pelléas et Mélisande (Debussy), Lohengrin (Wagner), Salome (R. Strauss), La Serva Padrona (Pergolesi), Candide (Bernstein), Gianni Schicchi (Puccini), Il Matrimonio Segreto (Cimarosa), Jenufa (Janácek), Hercules (Haendel) e Arianna (Marcello). Participou das estréias mundiais das óperas brasileiras O Anjo Negro (Ripper), A Tempestade (Miranda), Eros-ion! (Chagas) e Olga (Antunes). Na área de música sacra e de câmara já cantou, entre outros títulos, Saul (Haendel), Elias (Mendelssohn), Te Deum (Bruckner), Weihnachtsoratorium (Bach, Schütz, Saint-Saëns), Johannes Passion (Bach), Matthäuspassion (Bach), Filius Prodigus (Charpentier), Vespro Della Beata Vergine (Monteverdi), Salmo 130 ‘De Profundis’ (Mário Tavares, estréia mundial), Nona Sinfonia e Fantasia Coral (Beethoven), Szenen aus Goethes Faust (Schumann), Les Noces (Stravinsky), Stabat Mater (Rossini, Dvorák).

BERTA Claudia Ondrusek –Soprano

Nascida em Florianópolis, estudou canto com Cláudia Todorov, Rute Gebler, Samira Hassan. Atualmente aperfeiçoa-se com Neyde Thomas. É integrante do Polyphonia Khoros, onde atua como cantora, preparadora vocal e solista. Bacharel em piano, pela UDESC, ingressou em 2009 no Programa de Mestrado em Música da mesma instituição. Entre seus trabalhos como solista destacam-se: o Glória de Vivaldi, O Empresário de Mozart como Silberklang, A Flauta Mágica de Mozart como Papagena, Rigoletto de Verdi como Condessa di Ceprano, participação do concerto de abertura da Temporada 2007/2008 do Teatro Maria Caniglia em Sulmona (Itália) com a Camerata Florianópolis, La Traviata como Annina, L’Elisir d’Amore como Gianetta e Il Barbiere di Seviglia como Bertha.

FIORELLO Javier Venegas – Baixo

Natural de Buenos Aires, reside em Florianópolis desde 2001. Iniciou os estudos de canto com Patricia Eberhardt, continuado-os com Elaine Boniolo, Samira Hassan, Maria Izilda Marques Rosa, Rodolfo Giugliani, Neyde Thomas e Rio Novello. Atualmente aperfeiçoa-se com Douglas Hann. Licenciado em Música pela UDESC, integra O Polyphonia Khoros desde 2004, tendo participado das montagens das óperas Cavalleria Rusticana, A Flauta Mágica, Rigoletto (Guarda), La Traviata (Mensageiro) e O Elixir do Amor. Foi solista nas Missas nº 2 (Schubert) e da Coroação (Mozart), na versão de A Flauta Mágica apresentada pelo Polyphonia Khoros (Sarastro) e na ópera Comedy on the Bridge (Martinu) como The Brewer.

OFICIALLE Bruno Buzatto- Baixo

Natural de SP, estudou piano com Neusa Fleury,Cecilia Eintoss e Luciana Sayuri. Foi premiado em 5 concursos de piano nacionais. Já na adolescência começou a tomar aulas de canto com Renata Nogueira, participando de inúmeros corais em SP e SC. Participou das óperas Carmen, Rigoletto e A Flauta Mágica – como integrante do Polyphonia Khoros- onde canta atualmente. Em 2007 participou de Masterclass com Neyde Thomaz e Rio Novello. Atualmente estuda com Fernando de Carli.

DEVIDO A GRANDE PROCURA PELOS INGRESSOS, SUGERIMOS NÃO DEIXAR PARA A ÚLTIMA HORA, PARA GARANTIR UM BOM LUGAR.

Ingressos

R$ 50,00 e R$ 25,00 (estudantes e acima de 60)
R$ 40,00 (Clube Assinante DC)

Locais de venda

Balcão da Pró-Música no Shopping Beiramar
De segunda a sábado das 16 às 20 h/ Dia do espetáculo das 16 às 18 h

Camerata Florianópolis
Horário Comercial

Teatro do CIC
De segunda a sexta das 13 às 19 h

Teatro Pedro Ivo
De segunda a sexta das 13 às 19 h
Sábados, Domingos e Feriados das 14 às 18 h
Dia do espetáculo: das 14 até o horário do espetáculo

Mais informações (48) 3028-5264

PARA OS NÃO RESIDENTES EM FLORIANÓPOLIS COMPRA PELO TELEFONE (48) 30 28 52 64

spot_img
spot_img