19.2 C
fpolis
terça-feira, setembro 28, 2021
cinesytem

Conheça as Escolas de Samba de Florianópolis

spot_img

Conheça as Escolas de Samba de Florianópolis

spot_img

O Desfile Oficial das Escolas de Samba de Florianópolis ocorrerá no dia 5 de março de 2011 (sábado), a partir das 22h30, obedecendo a ordem inversa do resultado oficial do Desfile de 2010, com intervalo de 10 minutos.

O tempo de duração dos desfiles também foi outro item levantado. Em 2010, foi feito uma experiência que diminui o tempo para 75 minutos, mas neste ano ficou acordado, por unanimidade, que o tempo de duração de cada desfile volta a ser de 80 minutos para a conclusão do desfile de cada Escola de Samba, sob pena da perda de um ponto por minuto no cômputo geral, limitado ao total de dez pontos.

Ordem dos desfiles:


CONHEÇA AS ESCOLAS DE SAMBA DE FLORIANÓPOLIS

Os Protegidos da Princesa

“Ein prosit” Oktober – cerveja: o pão líquido dos deuses”

Ouça o Samba Enredo –Clique Aqui

Presidente: Moacyr Gomes
Enredo: Elson Manoel Pereira
Samba-enredo: Conrado Laurindo, Fred Inspiração, Mancha do Cavaco e Willian Tadeu
Intérprete: Alan Cardozo

Chegou fantasia
Que invade a alma e me faz delirar
Divina criação, o dom de transformar
Será milagre que a natureza brota em um “jardim”?
Traduz a fé em devoção que não tem fim
Prazer que o tempo não pode apagar
Arte de “purificar”
Na alemanha, o sabor
Com a benção dos deuses, celebra o amor

Em “novo mundo”, eu vi brilhar
“feliz cidade” em cada olhar
Catarina, meu amor
Terra “santa” de esplendor

Mãos tecendo o progresso
O braço forte arando o chão
Com sangue e suor, ergue a morada
“sociedade” tão sonhada
“florescendo” a imigração”
Das mesmas águas que trazem lembranças da terra natal
E desafiam a coragem, eu vejo a alegria vencendo o caos
Em cada rua que passo
No mesmo compasso, bate o coração
Outubro é festa, a banda a tocar
me leva a brindar… Cerveja pra comemorar!

Hoje o povo vai cantar, feliz
Sou protegidos, sou raiz
Vou me acabar, brincar a noite inteira
Na alemanha brasileira

Mais infomações sobre o Carnaval 2011 da Os Protegidos da Princesa acesse o site da agremiaçãoaqui.


Embaixada Copa Lord

“Enfim… Há Mãos e Mãos! As Tuas, Quais São?”

Presidente: Dejair Velozo
Samba-enredo: Celinho da Copa Lord, Wagner Segura, Edu Aguiar e Tom Tom.
Intérprete: Mará

Ouça o Samba Enredo –Clique Aqui

Rompeu as trevas o divino senhor.
Num brilho de encanto, surgiu o universo
Da força da criação.
Mãos que encantam mãos de magia,
Sustentam sonhos e fantasias,
Fazendo o mundo acontecer,
Voando ao infinito,
Buscar abrigo nas divinas mãos do criador,
Doces mãos, que dizem sim e dizem não,
Amparam, embalam, alimentando ilusões,
Verdades, mentiras em nossos corações.

De amarelo, vermelho e branco
Eu tatuei meu coração, (bis)
O meu amor por ti é sério,
Está escrito na palma da minha mão.

Descortina a ciência, a arte em sabedoria,
Unindo o homem em todas as eras,
A luz da evolução.
Braços abertos, mãos espalmadas,
Toque sagrado em oração,
Mão que planta, que colhe e faz o pão,
Dignidade pra quem trabalha,
Meu pedacinho de chão,
Justiça no mundo e igualdade,
Trazendo a felicidade.

Sou Guerreira,
Nesse balanço, embalando a mais querida,
Com a Copa Lord lá vou eu, (refrão)
De mãos dadas e de bem com a vida.

Mais infomações sobre o Carnaval 2011 do Copa Lord acesse o site da agremiaçãoaqui.


Unidos da Coloninha

“Vossa Majestade, beijo-lhe as mãos! A terra do pau-brasil é boa e querendo aproveitá-la, tudo nela dá”

Presidente: Laerte Arlindo de Matos (Leleco)
Enredo: José Alfredo Beirão Filho
Samba-enredo: Juninho Zuação, André Cunha e Diego Nicolau

Ouça o Samba Enredo –Clique Aqui

O índio foi quem extraiu
No troca-troca a madeira pau-brasil
E a coroa portuguesa levou nossa riqueza
Para Europa conquistar
A cana-de-açúcar que fez o país prosperar
Escravos trabalhavam sol a sol
Trazidos de além-mar Cidades mineiras a se revelar
Um mundo dourado a brilhar

Que mulher não sonhou ter diamantes
Mas Chica da Silva se fez deslumbrante
A borracha e o café quem é que não quer? (BIS)
Tesouros dessa terra fascinante

Da crise à evolução Indústrias fortalecem a brava nação
O petróleo, ferro e aço, uniram o país num forte laço
E o período JK fez o povo sonhar, resplandecer… Brasil
Em cada rosto uma expressão
Em cada gesto a emoção
A esperança no olhar Templos de consumo, globalização
Um novo mundo pra ganhar seu coração

Quero tanto dizer como eu amo você
Minha Majestade és tu Coloninha!
Se Caminha escreveu (REFRAO)
Esse chão tem riqueza, esse solo é meu!

Mais infomações sobre o Carnaval 2011 da Coloninha acesse o site da agremiaçãoaqui.


“Dança”

Presidente: Salomão Lobo de Souza Filho
Enredo: Jorge Rubinei Vaz
Samba-enredo: Casinha, Ricardo, Betinho
Intéprete: Flávio Luiz Alves Silva

Ouça o Samba Enredo –Clique Aqui

Sob as bênçãos de Shiva eu sou a arte
Na mais bela forma de expressão
Num sopro de vida perco o limite
Quando os meus pés tocam o chão.
Sou raiz, estou nos passos da história das crenças, religiões
Nas belezas africanas viajei… E ao índio da floresta encantei
No bailado dos reis fui a essência magistral
Valsei o lindo minueto
Unindo a corte num cenário genial
Meu corpo é livre imprevisível
Viajo com o meu coração, purificando a minh´alma
Sou personagem da história em evolução

É pura emoção vem ser feliz
O meu tablado é um salão sou aprendiz
Samba mulata faceira, no Swing
Da ordinária bateria do Caeira

Sou tradição popular
De norte a sul te chamo a bailar
Quero brincar nos bumbás do Brasil
Realizar o meu sonho infantil
Eu sou um artista de rua e sou sambista na pista
Do frevo aos grandes festivais
Vestindo a minha dama de vermelho
Vamos dançando em alto astral
Nego Quirido é o palco
E hoje eu sou o carnaval

Vou te chamar pra dançar
E emocionar toda a cidade
Consulado é minha vida
Mexe o corpo na avenida
Explode a Felicidade

Mais infomações sobre o Carnaval 2011 do Consulado acesse o site da agremiaçãoaqui.


União da Ilha da Magia

Cuba sim! Em nome da verdade”

Presidente: Valmir Bráz de Souza “Nena”
Enredo: Jaime Cezário
Samba-enredo: Júlio Maestri e Vinícius da Imperatriz
Intérpretes: Marcelo Perna, Alexandre Feijão, Diego Carqueja, Nado Lens, Henry Cromack,

Ouça o Samba Enredo –Clique Aqui

Uma forte emoção,
No meu coração…
Liberdade!
Eu sou União
A voz de um povo pela igualdade

Sonhos… de um poeta ecoam no ar
Cuba… o desejo de se libertar
Conquistou a independência
Do Tio Sam sofreu influência
Momentos de luta estão na memória
Fidel e Che fizeram história
Me levam na busca por um ideal
Que vai embalar, nosso carnaval!

Guerreiros unidos na Revolução
Pelo bem de uma Nação
Um preço a pagar, não vou negar
Mas a Comunidade em primeiro lugar

Os sonhos se tornam verdade
Trazendo pra muitos a felicidade
Com saúde, educação
A base pra um cidadão
Esporte, cultura, na arte… mistura
Riquezas, o Mundo se encantou
No Cabaré Tropicana,
Carmem Miranda deu um show!
Ilha de pura Magia
Vem sambar…
Verde, Branco e Ouro
Na Avenida vai brilhar

Mais infomações sobre o Carnaval 2011 da União da Ilha da Magia acesse o site da agremiaçãoaqui.

spot_img
spot_img

Leia mais