22.6 C
fpolis
domingo, setembro 19, 2021
cinesytem

Desenvolvimento Sustentável preconizado pela ONU

spot_img

Desenvolvimento Sustentável preconizado pela ONU

A Organização Mundial das Nações Unidas (ONU) reconhece e valoriza publicamente iniciativas de organizações públicas e privadas que promovam o desenvolvimento socioeconômico da comunidade na qual estão inseridas. Intitulado de Programa Selo Social, ele estimula o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). São dezessete e envolvem temáticas diversificadas como redução das desigualdades, crescimento econômico inclusivo, governança e meios de implementação, segurança alimentar e agricultura, saúde, energia, água e saneamento, igualdade de gênero, padrões sustentáveis de produção e de consumo, infraestrutura e industrialização, cidades sustentáveis, proteção e uso sustentável dos oceanos e dos ecossistemas terrestres.

A certificação que reconhece as organizações socialmente responsáveis representa um importante diferencial para todas as pontas, com repercussões importantes para a sociedade. O ODS de número quatro, por exemplo, diz respeito à educação. Assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade, promover oportunidades de aprendizagem para todos ao longo da vida. Uma das metas deste objetivo é o de aumentar substancialmente, até 2030, o número de jovens e adultos que tenham as competências necessárias, sobretudo técnicas e profissionais, para o emprego, trabalho decente e empreendedorismo.

E é justamente neste quesito que viemos trabalhando intensivamente nas regiões em que atuamos, oportunizando uma educação técnica de qualidade, com foco no desenvolvimento de competências, inclusive socioemocionais importantes para o mercado de trabalho. “Conhecer, Fazer, Conviver e Ser” são atributos fundamentais  para o desenvolvimento pleno de cada indivíduo, que refletem posteriormente de forma sobremaneira na sua atuação profissional. Além deste preparo para uma atuação diferenciada e humanizada, focamos em vivências práticas de cada profissão, preparando pessoas em diferentes fases da vida para uma inserção ou reinserção no mercado de trabalho.

Sendo assim, uma pessoa cursando o ensino médio já pode buscar uma qualificação técnica para a sua entrada no mercado de trabalho. Uma pessoa que já fez o ensino médio pode buscar uma profissão, outras podem acelerar uma recolocação no mercado de trabalho ou se qualificar para almejar melhores salários, buscando horizontes melhores. Um estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) identificou que trabalhadores com curso técnico têm 48% mais chances de conseguir trabalho no Brasil do que quem possui apenas o ensino médio.

O mercado de trabalho para a área técnica já é muito promissor, mas buscamos dar um passo além. Pensando na empregabilidade e na capacitação cada vez mais direcionada para as necessidades do mercado, identificamos oportunidades e celebramos parcerias com as empresas, montando cursos para preparar profissionais com a qualificação exata que elas têm dificuldade de encontrar, o que resulta em emprego garantido para os alunos.

Agindo desta forma, impactamos a comunidade em que estamos inseridos, os índices de escolaridade do País e, acima de tudo, a vida de pessoas que buscam na qualificação a maneira mais segura de “vencer” na vida. O Selo Social conquistado pela nossa escola não é exibido com orgulho, mas sim serve de motivação para o nosso propósito de modificar a vida das pessoas e da comunidade onde estão inseridas, para melhor.

Ana Paula Calaes
Empreendedora Educacional Escola Técnica Geração
 

spot_img
spot_img

Leia mais