17 C
fpolis
quinta-feira, maio 26, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

FATMA divulga Relatório de Balneabilidade Nº 07 do verão 2011/2012

spot_img

FATMA divulga Relatório de Balneabilidade Nº 07 do verão 2011/2012

spot_imgspot_img

Sétimo relatório registra uma redução de cinco pontos impróprios para banho no litoral catarinense em relação ao estudo da semana passada

A Fundação do Meio Ambiente – FATMA divulga nesta sexta-feira, 27 de janeiro, o Relatório de Balneabilidade Nº 07 da temporada de verão 2011-2012. Segundo o gerente de Avaliação da Qualidade Ambiental de FATMA, Haroldo Tavares Elias, os técnicos do laboratório constaram que houve uma pequena melhora em relação ao estudo da semana passada, com a redução de cinco pontos impróprios ao longo da orla.

Conforme as análises das amostras coletadas pela equipe da FATMA esta semana, 61 pontos estão impróprios no Estado, dos 195 pontos monitorados, enquanto 25 pontos estão impróprios em Florianópolis dos 65 pontos monitorados. O relatório aponta um grau de impropriedade no Estado da ordem de 31,28%, enquanto 38,46% dos pontos analisados na Capital estão com a qualidade sanitária da água comprometida.

Conforme o estudo, Balneário Camboriú está com três pontos impróprios ao banho na praia central, estes pontos sofrem a influência do canal do Marambaia ao Norte. Outro ponto impróprio situa-se na Lagoa de Taquaras no Balneário de mesmo nome, os demais pontos monitorados próprios ao banho.
Em Bombinhas dos oito pontos monitorados três encontram-se impróprios para o banho e em Florianópolis a Lagoa da Conceição apresenta três dos nove pontos monitorados na condição de impróprio.

O técnico responsável pelas análises feitas pelo laboratório da FATMA, Marlon Daniel da Silva, observa que em Canasvieiras, na Capital, quatro dos seis pontos estão impróprios ao banho e nesta condição podem permanecer por mais quatro semanas consecutivas dependendo dos resultados obtidos nas próximas coletas a serem analisadas.

Ainda em Florianópolis, Jurerê um dos quatro pontos esta impróprio ao banho, enquanto Sambaqui, Santo Antônio, Cacupé e Daniela retornam à classificação de PRÓPRIOS ao banho. O técnico do órgão ambiental observou que na semana anterior o resultado analítico da última amostragem foi superior a 2.000 NMP/100ml em Escherichia coli, o que torna o ponto imediatamente impróprio.

Em Ingleses, também na Capital, o ponto 27 e o ponto 57 estão impróprios ao banho. “Solicitamos a atenção especial a estes dois locais e outros onde existam descartes de rios e ou tubulões, pois é comum os valores obtidos nas análises das amostras coletadas nesses aportes serem bastante superiores ou iguais a 160.000 de coliformes fecais por 100ml”, diz Marlon Silva.

O relatório é apresentado em atendimento à resolução CONAMA 274/2000 que em seu artigo 9º diz compete aos órgãos de controle ambiental a aplicação da resolução, cabendo-lhes a divulgação das condições das praias e dos balneários e a fiscalização para o cumprimento da legislação pertinente.

Marlon Silva voltou a reforçar a advertência de que os banhistas devem considerar sempre como impróprios o ponto 67 na Lagoa de Ponta das Canas, no Norte da Ilha, e o ponto 03 na praia do Matadouro, na região continental da Capital, em função da impossibilidade total de acesso ou falta de lâmina d´agua que possibilite a coleta.

O relatório completo está disponível para download clicando no link abaixo:

Ver Anexo

(Fatma, 30/01/2012)

spot_img