25.4 C
fpolis
sábado, janeiro 22, 2022
cinesytem

Ginga do Mané foi o representante catarinense na Mostra Nacional de Desevolvimento

Ginga do Mané foi o representante catarinense na Mostra Nacional de Desevolvimento

spot_img

O grupo catarinense Ginga do Mané foi o representante catarinense na II Mostra Nacional de Desenvolvimento Regional, que terminou no domingo, dia 14 de março, no Centro de Convenções, em Florianópolis.

O evento é organizado pelo Ministério da Integração, que selecionou a capital catarinense para sediar o evento este ano. Consiste em oportunidade para a interação entre agentes sociais, empresariais e governamentais, contribuindo para o fortalecimento dos laços de colaboração e a criação de redes para o desenvolvimento regional. Para tanto, o evento foi planejado segundo quatro eixos temáticos: governança democrática, inclusão produtiva, meio ambiente e vida sustentável, interação latinoamericana e Brasil-Europa.

Em 2009, a Mostra Nacional de Desenvolvimento Regional aconteceu em Salvador (BA) e superou todas as expectativas, tanto com relação aos participantes do Congresso Internacional e aos expositores na Feira de Produtos como em relação ao volume de negócios gerados durante a sua realização.

O grupo Ginga do Mané desenvolve trabalho de prática e pesquisa do repertório brasileiro e catarinense de choro e atua ativamente no cenário da música popular do estado desde 2003. Formado pelos músicos Bernardo Sens (flauta), que é funcionário da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Fernanda da Silveira (cavaco), Fabrício Gonçalves (pandeiro) e Raphael Galcer (violão de sete cordas), busca mesclar o carisma da juventude com a expressão e virtuosidade através de sua música , características que fazem do choro um gênero especialmente valorizado no mundo.
Com apresentações aplaudidas em grandes eventos como Dia Nacional do Choro, e Festival Audiovisual do Mercosul, o Ginga do Mané destaca-se por sua musicalidade e seriedade – qualidades que foram reconhecidas em 2009 pela Fundação Franklin Cascaes através do Prêmio Revelação da Música Popular Brasileira.

spot_img
spot_img