22.1 C
fpolis
quinta-feira, janeiro 27, 2022

Manifestantes fazem ato contra o impeachment na Capital

Manifestantes fazem ato contra o impeachment na Capital

spot_img

Manifestantes contrários ao impeachment da presidente Dilma Rousseff se reuniram nesta sexta-feira, 15, em frente ao Ticen, no Centro da Capital, para realizar um ato pela democracia.

Os organizadores falam em 3 mil pessoas presentes e a Polícia Militar afirma que o ato contou com a participação de 1500 pessoas.   

A manifestação foi organizada pela Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo e contou com um caminhão de som, discursos e muita música. "Não vai ter golpe", foi o grito entoado pelos participantes em diversos momentos do ato. 

Neste sábado, 16, o Movimento Jovem Cultural – Espaço Livre de Debate promoverá um almoço comunitário, apresentação de artistas locais, manifestações livres e debate político em defesa da democracia, ao meio dia, no Largo da Alfândega, no Centro da Capital.

No domingo, 17, terá a Vigília Democrática, no Largo da Catedral a partir das 13h, onde será acompanhada a votação na Câmara que começa a ser transmitida às 14h.

Favoráveis ao impeachment

O Movimento Brasil Livre em Santa Catarina (MBL) está convocando as pessoas que desejam o impeachment da presidente Dilma Rousseff para a transmissão ao vivo da votação do impeachment na Câmara Federal, que ocorrerá domingo, 17, a partir das 14h.

ato pró-impeachment será realizado na Avenida Beira-mar Norte, em Florianópolis, em frente ao trapiche e só deve terminar após o fim da votação em Brasília.

O MBL já convocou uma série de atos contra o governo PT. O maior deles ocorreu no dia 13 de março deste ano. Clique aqui para ver fotos.  

spot_img
spot_img