19.7 C
fpolis
segunda-feira, setembro 27, 2021
cinesytem

Museu de Arte de Santa Catarina recebe exposições de Clara Fernandes e Eco Art

spot_img

Museu de Arte de Santa Catarina recebe exposições de Clara Fernandes e Eco Art

spot_img

O Museu de Arte de Santa Catarina (Masc) recebe, a partir do dia 6 de março, as primeiras exposições montadas no espaço em 2013. Para abrir o calendário deste que é um dos principais museus de arte do país, foram preparadas duas exposições: a artista plástica Clara Fernandes apresenta Cartas ao Mar; e o projeto Bozano Arte e Natureza traz ao espaço a mostra Eco Art.

Além das exposições de curta duração, a mostra de longa duração MASC: tempo, espaço e arte traz sete obras do acervo do Museu para mais perto do público: Cais (pintura de Mário Zanini); Flores (pintura de Rubem Cassa); Costumes Pernambucanos (pintura de Lúcia Suané); Mulheres Y (pintura de Luiz Carlos da Silva – Luiz Si); Cicatrizes (obra de Paulo Gaiad); além de suas obras sem título de Vera Sabino e Cristina Padão Gosling.

Cartas ao Mar

A exposição apresenta o acervo de obras criadas através de uma ficção. Protagonizada por um navegador naufragado há centenas de anos, este ser imaginário trafega no tempo e no espaço e alimenta seus contos por meio de cartas e sonhos, trazendo personagens mitológicos que contracenam no fluxo da cidade atual. Explora o caos, no seu sentido mais primordial, o espaço que existe entre o etéreo e o terreno. Com tramas em metal e linho, Cartas ao Mar, da artista Clara Fernandes, nos faz penetrar num universo atemporal onde podemos nos reconhecer como navegantes do tempo e da memória.

A despeito de toda fantasia ou mitologia envolvida, essa produção encontra ressonância e identificação com os habitantes da Ilha de Santa Catarina, principalmente com os pensadores, artistas, escritores e pesquisadores que demandam uma itinerância para poder refletir suas criações e as diferenças fundamentais da vida cotidiana em relação ao mundo atual.

São 72 obras (tramas em metal, linho, vidro ou materiais orgânicos) a maioria produzida entre 2010 e 2012, período que marca o encontro do Navegador com Amorphobia, um ente feminino que amplia o acervo de seus objetos, criados entre 2000 e 2007. A abertura da exposição terá bate-papo com a artista e apresentação do vídeo arte Amorphobia, com direção geral de Mauricio Muniz, realizado através do enredo e das obras geradas por essa ficção.

Eco Art

Por ocasião da RIO 92 – II Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento – a exposição Eco Art foi organizada pelo Banco Bozano Simonsen. Realizada no Rio de Janeiro, a exposição reuniu 120 artistas das Américas e resultou na publicação de um grande catálogo, na formação de um acervo e na edição de um álbum de 25 gravuras, a partir destas pinturas. São serigrafias assinadas e numeradas, de artistas contemporâneos representativos.

Este conjunto de serigrafias é objeto de um material didático, intitulado Projeto Bozano Arte e Natureza, preparado pelo Instituto Arte na Escola / Fundação Iochpe, com um roteiro de discussão de cada peça sob o ponto de vista da linguagem visual e sua relação transversal com a ecologia.

O projeto educativo inclui a doação de um conjunto destas 25 gravuras da Eco Art a museus de todo o Brasil, e o Museu de Arte de Santa Catarina foi um dos selecionados. Entre os artistas participantes estão Antônio Henrique Amaral (Brasil), Arcângelo Ianelli (Brasil), Arnaldo Roche-Rabell (Porto Rico), Beatriz Milhazes (Brasil), Carlos Vergara (Brasil), Daniel Senise (Brasil), David Manzur (Colômbia), Fernando Szyszlo (Peru), Flávio Shiró (Japão), Geoff Rees (Canadá), Gonçalo Ivo (Brasil), Jorge Tacla (Chile), Kenneth Kemble (Argentina), Laura Anderson (México), Miguel Angel Rojas (Colômbia), Miguel Castro Leñero (México), Miguel Von Dangel (Alemanha), Nelson Ramos (Uruguai), Rafael Soriano (Colômbia), Reynaldo Fonseca (Brasil), Robert Goodnough (Estados Unidos), Santiago Cardenas (Colômbia), Siron Franco(Brasil), Tomie Ohtake (Japão), Victor Hugo Irazabal (Venezuela).

Serviço:

O quê: Exposições Cartas ao Mar (Clara Fernandes) e Eco Art (Projeto Bozano Arte e Natureza)
Abertura: 6 de março de 2013, às 19h30min
Visitação: de 7 a 31 de março de 2013. De terça-feira a sábado, das 10h às 20h30min. Domingos e feriados, das 10h às 19h30min.
Onde: Museu de Arte de Santa Catarina (Masc) – Avenida Governador Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica – Florianópolis/SC
Informações: (48) 3953-2319/3953-2324
(Visitas mediadas devem ser agendadas com antecedência)
Entrada gratuita

spot_img
spot_img

Leia mais