21.4 C
fpolis
sábado, outubro 16, 2021
cinesytem

Vigilância Sanitária divulga boletim informativo sobre o vírus Ebola

spot_img

Vigilância Sanitária divulga boletim informativo sobre o vírus Ebola

spot_img

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis (SMS) divulgou o boletim acerca do surto do Ebola que atinge países africanos (clique aqui para ler). No alerta podem ser encontradas além de uma tabela com informações sobre o número de casos já identificados e confirmados, orientações atualizadas sobre como proceder diante de um caso suspeito. O intuito é manter a população e, em especial, os profissionais de saúde, atualizados em relação à situação epidemiológica no Brasil e no mundo. As informações são da Secretaria de Comunicação do Executivo Municipal.

Na Nigéria e Senegal até o último dia 12 de setembro 24 casos da doença haviam sido confirmados. A situação no Senegal, que confirmou seu primeiro caso da doença do vírus Ebola em 29 de agosto, permanece estável. Até o momento, nesses dois países 67 contatos próximos de caso inicial foram identificados e estão sendo monitorados.

Já na republica Democrática do Congo, em 10 de setembro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) informou que, entre 2 e 9 de setembro de 2014, houveram mais 31 casos de doença de vírus Ebola (EVD), aumentando o número de casos para 62. Deste número 14 forma em decorrência do ebola, 26 prováveis e 22 suspeitos. No total, 35 mortes foram relatadas, onde 9 destas foram confirmadas por ebola e 26 prováveis.

A febre hemorrágica pelo Ebola é uma doença causada por um vírus que quando contaminam morcegos e outros animais silvestres estes funcionam como hospedeiros. Transmitido por contato direto com o sangue, secreções, saliva e suor de pessoas doentes ou contato com instrumentos como agulha, por exemplo, o ebola não possui tratamento específico.

spot_img
spot_img