14.5 C
fpolis
quarta-feira, outubro 20, 2021
cinesytem

Casa de Cultura de Santo Antônio de Lisboa é batizada de Dona Clara Manso de Avelar

spot_img

Casa de Cultura de Santo Antônio de Lisboa é batizada de Dona Clara Manso de Avelar

spot_img

O novo espaço cultural do Santo Antônio de Lisboa, no Norte da Ilha, entregue à associação de moradores (Amsal) nesta terça-feira, 7, foi batizado de Casa de Cultura Dona Clara Manso de Avelar, moradora que contribuiu para o desenvolvimento do bairro. O casarão foi, durante quase 50 anos, a sede da intendência distrital de Santo Antônio de Lisboa e, depois, posto da Polícia Militar.

Na abertura do novo espaço cultural, os convidados foram recebidos com uma intervenção musical da cantora Joana Cabral, com os músicos Mário Moita, Marcelo Muniz, Juliano Melego e Haini Wahlheim. O público também prestigiou trabalhos em renda de bilro e a exposição de fotos “Cantares e Fazeres, um Inventário do Patrimônio Imaterial de Santo Antônio de Lisboa”, registradas pelo jornalista Celso Martins.

Primeiras atividades

A Amsal programou para 31 de agosto a realização de um sarau cultural, celebrando o Dia Municipal da Açorianidade. Além disso, a Casa de Cultura será incorporada às festividades do Divino Espírito Santo, abrigando o trono da corte imperial durante os festejos que acontecem até dia 6 de setembro.

“Esse é um momento histórico para Santo Antônio de Lisboa, e que já era aguardado há muitos anos. Essa casa vai servir para manter vivo o legado que o povo açoriano nos deixou”, disse o presidente da associação de moradores, Claudio Andrade.

spot_img
spot_img