15.5 C
fpolis
terça-feira, julho 5, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Paisagens da memória marcam exposição Mãos de luz

Paisagens da memória marcam exposição Mãos de luz

spot_imgspot_img

Zélia Bússolo apresenta seus trabalhos mais recentes no BRDE

A leveza e perfeição técnica das pinturas de Zélia Bússolo têm por trás um esforço inimaginável para o espectador desavisado. “Achei nas mãos a luz que faltou nos meus olhos”, diz a artista, que há 14 anos perdeu a visão quase completamente. A mostra Mãos de luz, com suas obras mais recentes, será aberta na próxima segunda-feira, dia 10 de novembro, às 19 horas, no Espaço Cultural Governador Celso Ramos – BRDE.

A exposição traz cerca de 25 quadros, de diversos tamanhos, todos feitas com tinta a óleo sobre tela. Os temas presentes em sua atual fase são predominantemente paisagens, flores e natureza morta. Para Bússolo, a natureza morta é um desafio grande, ao qual se dedica há mais de duas décadas e que já lhe rendeu elogios da galerista Beatriz Telles Ferreira. “A perfeição é o desafio; não é fácil pintar uma uva que pareça gelada”, conta.

Grande admiradora de Victor Meirelles e Pedro Alexandrino, Bússolo se dedica exclusivamente à pintura desde a década de 1980 – antes disso, conciliava a arte com o comando de uma malharia. Aprimorou a técnica com aulas em escolas de Florianópolis e de São Paulo. Ela garante, entretanto, que o mais importante, o que determina o estilo pessoal do artista, aprende-se sozinho. “O que eu quero pintar está sempre dentro de mim, é só deixar fluir”, diz.

A pintora, que diz se sentir sempre inspirada, cumpre uma rotina de trabalho diária, pintando por algumas horas. Suas obras são compradas por apreciadores de todo o país, da França e da Argentina. Ela conta que chegou a vender mais de 400 quadros em um ano. Por enxergar muito pouco – cerca de 5% da visão em apenas um olho, pinta com o auxílio de lupas especiais. Curiosamente, as cores ela enxerga a olho nu.

Entre coletivas e individuais, já realizou exposições em mais de 20 lugares. Entre eles, Brasília, Porto Alegre, Curitiba, São Paulo, Criciúma e Tubarão, no Museu Willy Zumblick. Em Florianópolis, seus trabalhos já foram exibidos nas galerias Helena Fretta e Beatriz Telles, no II Salão Victor Meirelles, entre outros.

Exposição: Mãos de Luz

Espaço Cultural Governador Celso Ramos – BRDE

Av. Hercílio Luz, 617, Centro – Florianópolis

Abertura: 10 de novembro, segunda-feira, às 19h.

Visitação: 11 a 28 de novembro, das 9h às 21h, de segunda a sexta-feira.

Entrada gratuita.

spot_img