18.6 C
fpolis
quinta-feira, maio 26, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Participe das atividades do Dia Internacional Contra a Corrupção

spot_img

Participe das atividades do Dia Internacional Contra a Corrupção

spot_imgspot_img

Ministérios Públicos e governos de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e
Paraná abrirão na sexta-feira (9), em Florianópolis, as atividades do Dia
Internacional Contra a Corrupção. A solenidade de abertura do evento, que
integra a campanha “O que você tem a ver com a corrupção?”, acontecerá no
Teatro Álvaro de Carvalho (TAC), a partir das 9h30min. A mobilização será
aberta ao público e transmitida ao vivo pela TVAL.

Após o encerramento, às 18h30min, haverá uma manifestação popular nas
ruas, com uma passeata em torno da Praça XV de Novembro, retornando até a
escadaria da Catedral Metropolitana.

Entre os 26 parceiros catarinenses estão a Secretaria de Estado da
Educação (SED), a Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e o
Conselho Estadual de Educação (CEE).

No painel de abertura “Ficha Limpa, Voto Secreto, Reforma Política e a
Cultura da Corrupção: Os Poderes e as Instituições” participarão: os
governadores Raimundo Colombo (SC); Beto Richa (PR). Os
procuradores-gerais de Justiça: Lio Marcos Marin (SC); Olympio de Sá Sotto
Maior Neto (PR).

Além destes participam, também, o presidente da Assembleia Legislativa,
Gelson Merisio; o presidente do Tribunal de Justiça, José Trindade dos
Santos; o presidente da OAB, Paulo Roberto de Borba, todos de SC. A
mediadora do debate será a jornalista Zileide Silva, da Rede Globo.

Até às 17 horas, serão realizados mais três painéis: “O papel da sociedade
civil na política”; “o papel da mídia no combate à corrupção”; e o “O que
o Esporte e a Cultura têm a ver com a corrupção?”.

No transcorrer das atividades será apresentada a Carta de Florianópolis, o
Projeto Pedagógico da Campanha. O encerramento será às 19h30min, com
apresentação musical e participação especial do Grupo Teatral “ ESAG
EnCena” e Banda Tatuíras do Mangue.

CGU – A Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção foi assinada por
diversos países em 9 de dezembro de 2003, na cidade de Mérida, no México.
O objetivo principal é fortalecer a cooperação internacional para ampliar
a prevenção e o combate à corrupção no mundo todo.

O “9 de Dezembro” foi então instituído como Dia Internacional contra a
Corrupção, resultado de proposta feita pela delegação brasileira na
Convenção de Mérida. No Brasil, é a Controladoria-geral da União (CGU) que
acompanha a implementação da Convenção e de outros compromissos
internacionais assumidos pelo País, que tenham como foco a prevenção e o
combate à corrupção.

SED – Na Secretaria de Estado da Educação (SED), a Diretoria de
Assistência ao Estudante, por meio da Gerência de Valorização ao Educando,
orienta as escolas na promoção de ações com base na prevenção à corrupção,
entre mais de 700 mil crianças e jovens da Educação Básica.

Parceiros – Governo do Estado de SC, ALESC, TJSC, OAB, TECSC, Avaí Esporte
Clube, Figueirense Esporte Clube, Associação dos Cronistas Esportivos de
SC, CGU, UNESC, Grupo Teatral “Esag EnCena”, Banda Tatuíras do Mangue,
Banda Dazaranhas, MIDHAS Consulting, Movimento “Corrupção Não”, Grande
Oriente do Brasil, Secretaria de Estado da Educação, Conselho Estadual de
Educação, ESAG/UDESC, Instituto de Consciência e Cidadania, Colégio
Catarinense, Lira Tênis Clube, TAC, Polícia Militar e Teco Padaratz.

Agenda:

9h30min – Abertura, seguida do Painel “Ficha Limpa, Voto Secreto, Reforma
Política e a Cultura da Corrupção: Os Poderes e as Instituições”.

14 horas – “O papel da sociedade civil na política” com os covidados: O
juiz do Maranhão, Marlon Reis; o promotor de Justiça de SC, Pedro Roberto
Decomain; o vice-presidente da OAB/SC, Márcio Luiz Fogaça Vicari; o
presidente do Tribunal de Contas do Estado de SC, Salomão Ribas Júnior; o
presidente do TCE do Paraná, Fernando Augusto Mello Guimarães; e a
ouvidora-geral da União, Érica Bezerra Queiroz Ribeiro. O mediador será o
jornalista Mário Motta, da RBS TV.

15h30min – “O papel da mídia no combate à corrupção”. Convidados:
jornalistas Moacir Pereira (Grupo RBS); Paulo Alceu (Grupo RIC/Record);
Vânio Bossle (TVBV); Karlos Kolbach (Gazeta do Povo-PR); e James Alberti
(RPC TV). Mediador – jornalista Mário Motta.

17 horas – “O que o Esporte e a Cultura têm a ver com a corrupção”.
Convidados: Alberto Bial e João Nilson Zunino, do Avaí Futebol Clube;
J.B.Teles, da Acesc; o surfista e apresentador Teco Padaratz; Sandro
Adriano da Costa, o Gazu; Adauto Luiz Charnesky, da Banda Dazaranha; e
Chico Lins, do Figueirense Futebol Clube. Também media o debate o
jornalista Mário Motta.

spot_img