16.3 C
fpolis
terça-feira, outubro 26, 2021
cinesytem

Prefeito de Florianópolis assina Projeto de Lei para a construção de 200 casas populares

spot_img

Prefeito de Florianópolis assina Projeto de Lei para a construção de 200 casas populares

spot_img

O projeto, que prevê também creche, área de lazer e sistema viário, depende agora da aprovação da Câmara de Vereadores.

O Prefeito Dário Berger assinou, na manhã de hoje, Projeto de Lei e Termo de Cooperação entre o poder público municipal e a empresa Cassol para garantir a construção de 200 unidades habitacionais populares, além de creche, áreas de lazer e outros equipamentos na Vila Aparecida.

Com este projeto, a Prefeitura de Florianópolis, através da Secretaria de Habitação e Saneamento Ambiental, propõe à Câmara de Vereadores a alteração do zoneamento de áreas localizadas nesta região. As alterações são necessárias para viabilizar a urbanização e implantação do projeto habitacional.

Para o prefeito Dário Berger, este é um projeto de imenso valor social e a comunidade deve se fazer presente junto à Câmara de Vereadores para garantir sua aprovação.

A Cassol, proprietária de uma área em frente à Via Expressa, na região da Vila Aparecida, Continente, vai destinar à Prefeitura um espaço de 17 mil metros quadrados, onde serão construídas as unidades habitacionais para famílias que moram em áreas de riscos social nas comunidades de Vila Aparecida I e II, Mac Laren, Nova Esperança e Arranha Céu.

O projeto contempla, ainda, reserva de áreas públicas com a criação de área comunitária institucional, área verde de lazer e sistema viário a fim de atender carências da região e melhorar a qualidade de vida das comunidades residentes no entorno.

Totalmente de acordo com o Estatuto das Cidades e a Lei Orgânica do Município de Florianópolis no que se refere à prioridade de atendimento das demandas de habitação social, o projeto segue, agora, para aprovação na Câmara de Vereadores da Capital.

Para o prefeito Dário Berger, este é um projeto de imenso valor social e a comunidade deve se fazer presente junto à Câmara de Vereadores para garantir sua aprovação: “a Prefeitura está fazendo a sua parte para viabilizar as habitações populares; cabe à Câmara aprovar”.

spot_img
spot_img