14.7 C
fpolis
quinta-feira, outubro 21, 2021
cinesytem

Solenidade em Florianópolis marca os 184 anos da imprensa catarinense

spot_img

Solenidade em Florianópolis marca os 184 anos da imprensa catarinense

spot_img

A passagem dos 184 anos de criação da imprensa catarinense foi celebrada na manhã desta terça-feira, 28, em ato realizado na Praça XV de Novembro, no Centro de Florianópolis. A solenidade, promovida pela Associação Catarinense de Imprensa (ACI), marca a data de lançamento do jornal "O Catharinense", o primeiro editado no estado, em 28 de julho de 1831. As informações são da Agência de Notícias da Assembleia Legislativa (Agência AL).

No evento, que contou com a apresentação da banda de música do 63º Batalhão de Infantaria, o presidente da ACI, jornalista Ademir Arnon, destacou a figura do lagunense Jerônimo Coelho, criador de O Catharinense e que se destacou ainda como conselheiro do Império, deputado provincial, ministro da Guerra e fundador da maçonaria catarinense.

Papel do jornalista

Para o diretor de publicações da ACI, jornalista Rafael Martini, o resgate da trajetória de personagens de destaque como Jerônimo Coelho é especialmente oportuna na atual conjuntura, para balizar o exercício da profissão de jornalista. “Acredito que este cenário de crise política e econômica é uma oportunidade para relatarmos as inconformidades sociais, interpretarmos os fatos e apontarmos os caminhos possíveis. Esse é o papel do jornalista.”

Para Martini, ainda que a propagação dos meios digitais, como blogs e redes sociais, tenha possibilitado a qualquer pessoa ser um criador de conteúdo informativo, a atuação do profissional de comunicação permanece fundamental como certificador de notícias. “O desafio é sempre levar ao público informação e opinião com credibilidade e isto não vai mudar, não importa a ferramenta utilizada.”

Ainda em seu pronunciamento, ele anunciou que a ACI deve inaugurar até o final do ano o Museu da Comunicação e a Casa do Jornalista, espaços voltados a preservação da memória e o estímulo à atividade jornalística no estado. “Queremos não só preservar o passado, mas debater o presente e projetar o futuro da comunicação em Santa Catarina.”

spot_img
spot_img