17.8 C
fpolis
quinta-feira, agosto 11, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

7ª Conferência Internacional Lixo Zero termina hoje em Florianópolis

spot_imgspot_img

7ª Conferência Internacional Lixo Zero termina hoje em Florianópolis

spot_imgspot_img

Palestra de abertura expôs a necessidade de uma mudança de consciência da população em relação à gestão de resíduos

“As pessoas precisam entender que os resíduos não são lixo. Quem faz o lixo somos nós, que misturamos e sujamos os materiais”, afirmou Rodrigo Sabatini, durante a palestra de abertura da 7ª Conferência Internacional Lixo Zero, em Florianópolis. A conferência, que reúne pela primeira vez no Brasil especialistas em educação e gestão ambiental de vários países, acontece no Centro Multiuso do Hotel SESC Cacupé, nos dias 28 e 29 de outubro.

Sabatini é engenheiro e presidente da Novociclo Ambiental, empresa de Florianópolis especializada em consultoria na área de gestão de resíduos e uma das organizadoras do evento. Durante a palestra, ele falou sobre a necessidade de alteração nas etapas do processo produtivo para reduzir o impacto ambiental. Segundo ele, a solução é eliminar as etapas de descarte e seleção. “Temos que realizar um processo cíclico, onde os materiais continuam sendo encaminhados para reaproveitamento nas indústrias”.

Mas, segundo o palestrante, para uma mudança de atitude e processos é preciso de muita educação ambiental e esta revolução começa de forma indivivual, com cada pessoa se responsabilizando por seus resíduos após o consumo. “Se tudo em nossa vida é organizado, por que com o lixo precisa ser diferente?”, questiona.

Sabatini apresentou ainda o case do Espaço Recicle, iniciativa da Novociclo que recebe resíduos da população de Florianópolis e providencia o encaminhamento correto dos materiais às empresas que os utilizam no processo produtivo. Localizado no Parque de Coqueiros, o Espaço conta com a participação de aproximadamente 5 mil pessoas e recebe cerca de 12 toneladas de resíduos por mês.
Falou ainda sobre a importância de uma meta para que a proposta Lixo Zero seja alcançada em comunidades e municípios. “É preciso estabelecer uma data como objetivo, para que a partir daquele dia nada do que seja produzido vá para o aterro sanitário”, conclui.

O que muda com a Política Nacional dos Resíduos Sólidos

Participantes da 7ª Conferência Internacional Lixo Zero receberam informações sobre as mudanças que devem ocorrer no Brasil

“Com a implantação da nova Lei de Resíduos Sólidos no Brasil, vamos passar de um ambiente para um ambiente de segurança jurídica em que será possível fiscalizar e punir os abusos e crimes ambientais”, afirmou Walfrido Assunção Ataíde, o segundo palestrante da 7ª Conferência Internacional Lixo Zero, que acontece nestes dias 28 e 29 de outubro em Florianópolis.

O consultor ambiental explicou o que muda quando a nova Política Nacional de Resíduos Sólidos em vigor. Entre os pontos destacados pelo palestrante está a obrigatoriedade da coleta seletiva nos municípios e a erradicação dos lixões, que devem ser transformados em aterro sanitário – com os devidos tratamentos – num prazo máximo de quatro anos. “Só poderão ser depositados os resíduos sem qualquer possibilidade de reaproveitamento”, explica.

Assunção falou ainda sobre a importância da responsabilidade compartilhada sobre o ciclo de vida dos produtos, onde governo, indústria,comércio e cidadãos devem ser responsáveis pelo destino dos materiais, cada um em uma etapa.

Outro aspecto destacado por ele é a criação de um Sistema Nacional de Informação de Resíduos, com dados disponíveis, ao acesso de todos, através da internet. “Todo gerador de resíduos terá que autodeclarar – como acontece no Imposto de Renda – que tipo de resíduo e a quantidade que produz. Só assim poderemos ter um inventário nacional da gestão de resíduos”.

Sobre a 7ª Conferência Internacional Lixo Zero

A 7ª Conferência Internacional Lixo Zero, realizada nos dias 28 e 29 de outubro, em Florianópolis, é uma promoção do Instituto Lixo Zero Brasil em parceria com o Zero Waste International Aliance e a Novociclo Ambiental. O tema do evento, que acontece no Centro Multiouso do SESC Cacupé, é “Soluções Lixo Zero no contexto clima, crise financeira e segurança química”.

Participam 19 especialistas internacionais, representantes do setor privado, de centros acadêmicos, de ONGs e políticos de governos federais, estaduais e municipais. Entre os palestrantes estão o presidente da Zero Waste Internatinal Alliance, Richard V. Anthony, a presidente da Mothers Earth Foundation, Sonia Sales Mendonza, o diretor executivo da Eco-Cyclo, Eric Lombardi.

Na pauta da conferência estão temas como: a evolução dos projetos Lixo Zero no mundo, a viabilidade técnica e financeira de novas tecnologias implementadas em diferentes países e culturas, a Política Nacional de Resíduos Sólidos, o desenvolvimento de comunidades Lixo zero e soluções às barreiras socioculturais para a expansão da conscientização ambiental na separação e destinação dos resíduos orgânicos e inorgânicos.

Mais informações: http://email.dialetto.com.br/links.php?AGE_ID=466240&PES_ID=40085619&n=14941&URL_ID=225&url=http%3A%2F%2Fconferencialixozero.com.br%2F2010%2F

SERVIÇO
7ª Conferência Internacional Lixo Zero
Data: 28 e 29/10
Horário: das 8h às 19h30
Local: Centro Multiuso do SESC Cacupé, Florianópolis, SC

spot_img

Leia mais