19.4 C
fpolis
sexta-feira, junho 21, 2024
Cinesystem

FloripAmanhã: um legado de 18 anos, em busca do crescimento sustentável de Florianópolis

spot_imgspot_img

FloripAmanhã: um legado de 18 anos, em busca do crescimento sustentável de Florianópolis

spot_imgspot_img

Dentre as ações comemorativas ao aniversário da entidade está o 1º Encontro Brasileiro Cidades Criativas Unesco da Gastronomia, que vai ocorrer de 3 a 5 de agosto, um almoço no dia 16, quando será entregue a Agenda FLORIPA 2030/2040/2050, um Painel no Encontro Internacional de Territórios Criativos e o Fórum sobre a revitalização do Aterro da Baía Sul.

A Associação FloripAmanhã foi criada com o objetivo de unir esforços e articular forças de diferentes atores da sociedade em busca da construção coletiva da cidade que queremos: preservada, planejada, inovadora e segura. Ao longo desses 18 anos, foram muitas contribuições e para comemorar esse legado, o mês de agosto terá uma extensa programação, com eventos voltados para o crescimento sustentável da cidade.

Nos dias 3 a 5 de agosto, Florianópolis vai receber o 1º Encontro Brasileiro das Cidades Criativas Unesco da Gastronomia, um evento que vai reunir no Sesc Cacupé profissionais do setor, do trade turístico, consumidores, estudantes, instituições de ensino, empresários, produtores da região e cozinheiros, além de representantes das quatro cidades brasileiras que possuem a chancela: Belém (PA), Paraty (RJ) e Belo Horizonte (MG). Florianópolis foi a primeira cidade brasileira a conquistar o título, em 2014, sendo esse um dos grandes feitos da FloripAmanhã, que coordenou todo o projeto e mantém a chancela ativa até hoje. 

O 1º Encontro Brasileiro das Cidades Criativas UNESCO da Gastronomia é promovido pelo Sistema Fecomércio, Sesc e Senac de Santa Catarina, com apoio da Prefeitura Municipal de Florianópolis, Associação FloripAmanhã, Fecomércio MG, Fecomércio RJ e Fecomércio PA, além de outras entidades parceiras. Confira aqui a programação completa.

No dia 16 de agosto, a entidade promoverá um almoço para os associados, conselheiros, parceiros e imprensa para comemorar o aniversário, que é celebrado no dia 17 de agosto, oficialmente. Na ocasião, será entregue o Projeto Floripa 2030/2040/2050, uma versão atualizada do Projeto Floripa 2030, um processo de construção coletiva de estratégias de desenvolvimento sustentável, econômico, sociocultural e urbano territorial para Florianópolis, também iniciativa da FloripAmanhã. Vencedor do Prêmio Von Martius de Sustentabilidade, categoria “Humanidade”, o projeto foi algo inédito, pois nunca havia sido delineada uma visão de futuro para a cidade a partir da sociedade civil organizada, e até hoje continua sendo um importante norteador de projetos da iniciativa privada e do poder público. “Com o Floripa 2030/2040/2050, a cidade pode avançar em direção a um futuro mais sustentável, garantindo uma melhor qualidade de vida para os seus habitantes e preservando seu patrimônio para as gerações futuras. E esse é o principal objetivo da FloripAmanhã”, destaca Jaime de Souza, presidente da FloripAmanhã.

No dia 19 de agosto, a FloripAmanhã participar do Encontro Internacional de Territórios Criativos para o Desenvolvimento Sustentável, com um painel sobre “Florianópolis e sua posição como cidade criativa da UNESCO em Gastronomia”, a ser apresentado por Anita Pires, conselheira da FloripAmanhã e ponto focal do Programa Florianópolis Cidade Criativa UNESCO da Gastronomia.

E finalmente, no dia 31 de agosto, a FloripAmanhã promoverá um Fórum sobre a revitalização do Aterro da Baía Sul, um evento para discutir sobre os caminhos e soluções para uma ocupação mais inclusiva, criativa e financeiramente sustentável do local. Será às 14h, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina. “O objetivo é reunir experiências e vozes diversas em territorialidade urbana para discutir possíveis caminhos para o local. A partir das iniciativas sugeridas nesse encontro, a FloripAmanhã pretende abraçar a causa não só da revitalização e viabilidade legal e financeira desse espaço, como também, e prioritariamente, definir sua real vocação. A Prefeitura de Florianópolis, na pessoa do prefeito Topázio Neto, delegou à FloripAmanhã a condução dessa discussão na cidade, assim como a articulação da proposição de projetos integrados de uso ordenado e sustentável para toda a área do Aterro”, enfatiza o presidente, Jaime de Souza.

Além de toda essa programação, nós temos muito o que comemorar, com tantas conquistas. Confira alguns dos projetos que a entidade fundou ao longo dessas quase duas décadas de associativismo.

Adote uma praça

O programa Adote uma Praça foi lançado em 2007 através da união de esforços da iniciativa privada e da Prefeitura, com a participação também de outras associações representando a comunidade. O projeto tem como propósito resgatar o espaço público como área de lazer, com segurança, revitalizada e que promova qualidade de vida para nossos moradores. Dos cerca de 200 espaços públicos existentes em Florianópolis, 50% foram adotados através do programa, representando economia para o poder público e benefícios para a população. Dentre as praças revitalizadas estão a Praça Celso Ramos, a Praça XV de Novembro, o Largo da Alfândega, a Praça Forte São Luiz, entre muitas outras.

Para o vice-presidente da FloripAmanhã, Salomão Mattos Sobrinho, que coordena o Grupo de Trabalho de Revitalização de Espaços Públicos e Meio Ambiente (Revit) da associação, esse é um projeto que merece destaque nesses 18 anos. “O Programa evoluiu muito e hoje apresenta uma experiência exitosa. Vale frisar que não há envolvimento de dinheiro público, pois é um trabalho voluntário, mas se percebe uma nova dinâmica de trabalho, permitindo mais agilidade e melhores resultados”, reforça. 

Florianópolis, Santa Catarina, Brazil March 28, 2020: Due to the outbreak of Coronavirus – Covid19 and following the recommendations of WHO – World Health Organization, the entire state of Santa Catarina joined the program to fight the virus., Issuing a decree for people to stay in their homes and for the general closure of the trade. In the state capital, that is, in Florianópolis, in these last 10 days, all shops are practically closed, in addition to the traditional Praça XV de Novembro which, besides receiving many tourists, usually there are many elderly people on the square’s benches, playing cards and dominoes . The city did stop, deserted streets, scenes never seen before. STAY AT HOME notices, posted at different locations in the city. Closed churches, closed shops and only a few basic necessities can open, such as pharmacies, markets, fishmongers, bakeries, gas stations, but with some restrictions imposed by the government. Moment of total seclusion, the campaigns are to stay in our homes until the outbreak passes or even according to the order of the authorities.

Planejamento Urbano

Outro grande projeto que teve a participação ativa da FloripAmanhã, além do Floripa 2030, citado anteriormente, é o Relatório Anual de Progresso dos Indicadores de Florianópolis – RAPI. Lançado pela primeira vez em 2019, o relatório aponta caminhos para o desenvolvimento sustentável da cidade. Ele é o resultado de uma ampla pesquisa de coleta e análise de indicadores de sustentabilidade ambiental, urbana e fiscal, bem como um conjunto de recomendações aos entes públicos. Já na sexta edição, o relatório busca auxiliar governo e sociedade a estabelecerem e seguirem prioridades claras e mensuráveis para o desenvolvimento sustentável da cidade e contribuir para a avaliação das políticas públicas urbanas, a partir de uma visão técnica, objetiva e metodologicamente embasada.

Contribuição social

Pelo terceiro ano consecutivo, em 2023 a FloripAmanhã promoveu uma campanha, juntamente com a Prefeitura de Florianópolis, entidades empresariais, sociais e de contabilidade, para incentivar as pessoas a destinarem parte do seu Imposto de Renda (IR) a projetos sociais locais, que apoiam crianças e idosos. Juntos, o Fundo da Adolescência (FIA) e o Fundo do Idoso (FI) receberam cerca de R$ 2 milhões do Imposto de Renda 2023, conforme levantamento do Sindifisco Nacional/Delegacia Sindical de Florianópolis, que reúne os auditores fiscais da Receita Federal. 

“A cada ano que passa conseguimos incentivar mais pessoas a destinarem seu IR para fundos locais, mas ainda podemos melhorar muito, visto que o potencial de destinação em 2023 era de R$95.106.432,00 e só arrecadamos 3,59% do total. Se o dinheiro vai para o Governo Federal ele não volta mais, e dessa forma o dinheiro fica aqui na nossa cidade, ajudando em projetos que serão fundamentais na garantia dos direitos dos nossos idosos e crianças”.

Em julho deste ano, o Conselho Regional de Contabilidade e o CIEE/SC, com o apoio da FloripAmanhã, lançou um programa de assessoramento às entidades sociais de Florianópolis, ou seja, uma maneira de contribuir para a formalização, profissionalização e sustentabilidade das organizações, especialmente as de idosos, crianças e adolescentes, por meio de apoio, orientação, formações e consultorias nas áreas contábil, jurídica e de assistência social.

Governança Pública

A Associação FloripAmanhã sempre acreditou no Conselho Metropolitano para o Desenvolvimento da Grande Florianópolis (COMDES) como instância estratégica para o fortalecimento, planejamento urbano integrado e desenvolvimento sustentável da região. Desde 2009 participa ativamente do Conselho, que teve papel fundamental no processo de criação da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (RMF).

Também participou da fundação de importantes movimentos como o Floripa Sustentável, ForTur – Fórum de Turismo da Grande Florianópolis, REC Floripa – Rede de Economia Criativa, Rede de Monitoramento Cidadão – Ver a Cidade e o Grupo Interinstitucional para Gestão de Resíduos Sólidos de Florianópolis. 

Todas estas iniciativas já foram ou estão sendo coordenadas pela FloripAmanhã e juntas somam dezenas de organizações de variados tipos, como ONGs, entidades de classe, da academia e do setor produtivo. Além disso, a FloripAmanhã possui representação em mais de dez Conselhos ou Comitês municipais, e faz uso da atuação em Conselhos de Desenvolvimento regionais para inclusão de projetos de interesse da comunidade no orçamento da Prefeitura.

A Associação produziu ainda publicações importantes, como o Plano de Ordenamento Náutico, a Oficina de Desenho Urbano, entre outros, disponíveis em https://floripamanha.org/publicacoes/

“A Associação FloripAmanhã busca continuamente um processo de planejamento e gestão urbana comprometido com a superação das deficiências e com a ampliação da qualidade de vida em Florianópolis. Esse é um trabalho feito com a união de pessoas interessadas na construção coletiva da cidade que queremos hoje e sempre”, destaca o presidente da entidade, Jaime de Souza.

editor.deolhonailha
editor.deolhonailhahttp://www.deolhonailha.com.br
O DeOlhoNaIlha é um portal de propriedade da NacionalVOX - Agência Digital, de Florianópolis. Seu lema é "Fique por dentro de Floripa" e seu objetivo é deixar os moradores e visitantes da Ilha da Magia muito bem informados sobre tudo o que acontece na cidade e região.
spot_img
spot_img
spot_img

Leia mais

spot_img