16.6 C
fpolis
sexta-feira, setembro 24, 2021
cinesytem

Palestra de Marcelo Gleiser fecha o Fronteiras do Pensamento nesta quarta-feira

spot_img

Palestra de Marcelo Gleiser fecha o Fronteiras do Pensamento nesta quarta-feira

spot_img

O Fronteiras do Pensamento termina nesta quarta-feira, 9, com a palestra “A origem do Universo” do físico Marcelo Gleiser no auditório da Fiesc. O evento começa às 20h e o ingresso custa R$ 40, podendo ser adquirido pelo site Blue Ticket.

Talvez o personagem científico mais conhecido do Brasil, Gleiser ganhou projeção por sua coluna na Folha de São Paulo, participação no Fantástico e em diversos programas de televisão ao redor do mundo.

Entre os assuntos comentados por Gleiser na atualidade está a sua ideia da simetria imperfeita. A publicação do seu livro “Criação Imperfeita” abre o debate sob uma ótica da estética da imperfeição e das assimetrias. Com isso, o físico demonstra sua preocupação em abandonar a ideia que vem desde a antiguidade de que há uma perfeição por trás das coisas, que, para ele, seria uma contaminação do pensamento religioso sobre o científico.

Na contramão, Gleiser diz que o sentido da vida é a imperfeição, que justifica e valoriza nossa existência. A ideia de Gleiser é que por trás dos processos da natureza, nota-se a importância da imperfeição. Isso porque o que é perfeito não muda. O desequilíbrio é necessário para as coisas acontecerem. Assim a mola propulsora da criatividade da natureza seria o desequilíbrio que vem da imperfeição que existe na natureza.

Um exemplo, segundo Gleiser, é a colisão do asteróide que foi responsável pela extinção dos dinossauros. No momento em que os dinossauros desapareceram, novas condições foram criadas para que os mamíferos se desenvolvessem, e consequentemente os humanos também.

Colunista da Folha de S. Paulo, Gleiser também é autor de "A Dança do Universo" e "O Fim da Terra e do Céu", ambos vencedores do prêmio Jabuti, e é conhecido por aproximar a física de leitores comuns. Gleiser também atua como professor titular de física e astronomia no Dartmouth College, nos Estados Unidos, e desde 2007, é membro da Academia Brasileira de Filosofia.

Outras palestras

O evento começou nesta segunda-feira, 7, com palestra do colombiano Enrique Peñalosa, com o tema “uma cidade mais sustentável”. Como prefeito de Bogotá, entre 1998 e 2001, Peñalosa implantou um sistema de transporte coletivo que hoje é considerado modelo.

A segunda noite do Fronteiras do Pensamento, na terça-feira, 8, teve palestra do psicanalista Contardo Calligaris.

 

spot_img
spot_img

Leia mais