16.5 C
fpolis
domingo, julho 3, 2022
Cinesystem Villa Romana Shopping

Seminário leva debate à comunidade da Lagoa do Peri

Seminário leva debate à comunidade da Lagoa do Peri

spot_imgspot_img
O seminário “Peri em Foco”, que acontece no dia 7 de novembro, das 9h às 12h e das 13h30 às 17h, na sede do Parque Municipal da Lagoa do Peri, segundo os organizadores do evento, deverá ser uma troca de experiências sobre as pesquisas realizadas na Lagoa do Peri. Aberto à comunidade em geral, o seminário se justifica pelo bom número de pesquisas na área, mostrando a importância do debate para a comunidade vizinha ao Parque, que terá ainda a oportunidade de apreciar a exposição às 17h, na qual serão exibidos aquários, caixas entomológicas, fotografias e pôsteres. As inscrições serão feitas no local. 
A programação do Seminário “Peri em Foco” contará com pequenas apresentações nos dois períodos, seguidas de debates. Pela manhã, das 9h às 9h20min, haverá a apresentação da comissão organizadora e Floram; das 9h20 às 9h40min, Isaac Maximiliano Pedro e a professora Ângela Beltrame. apresentam a pesquisa “Caracterização física e socioambiental do Parque Municipal da Lagoa do Peri”; das 9h40 às 10h, Maurício Mello Petrucio falam da “Bacia hidrográfica e a qualidade da água na Lagoa do Peri”; Roselane Laudares Silva explica “Porque as cianobactérias dominam na Lagoa do Peri?”, das 10h às 10h20. 
Das 10h40min às 11h, Letícia Frozza Teive e o professor Paulo Pagliosa mostram a “Influência da preservação das nascentes sobre a fauna aquática”; das 11h às 11h20, Alex Pires de Oliveira Nunër e Sonia Buck, falam sobre o “Estudo dos peixes da Lagoa do Peri”; das 11h20 às 11h40, Ana Luiza de Assis Alencar, Mariana Giraldi, Victoria Duarte Lacerda (professores Natalia Hanazaki e Nivaldo Peroni) apresentam a pesquisa “Pessoas e plantas no Sertão do Peri”. 
No período da tarde os trabalhos serão abertos às 14h com a pesquisa de Eduardo Juan Soriano Sierra e Gisela Costa Ribeiro sobre o “Diagnóstico Ambiental da Lagoa do Peri, prévio à capacitação de água pela Casan”, seguidos de Malva Isabel Medina Hernández às 14h20min fala sobre os “Besouros e borboletas: insetos indicadores de qualidade ambiental”. 
“Formigas de chão da Lagoa do Peri”, de Guilherme Willrich (com o professor Benedito Cortês Lopes) é a pesquisa que será apresentada das 14h40 às 15h. Das 15h às 15h20, Maurício Graipel aborda “Mamíferos silvestres do Parque Municipal da Lagoa do Peri”. Das 15h20 às 15h40, Alesandra Bez Birolo e Marcelo Tosatti (Ekkobrasil) falam sobre o “Projeto Lontra: Pesquisa e conservação de lontras na Lagoa do Peri”; das 15h40 às 16h, Alexandre Paulo Teixeira Moreira disseca “Os cantos das aves do Parque Municipal da Lagoa do Peri”. 
Das 16h às 16h20min é a vez de “A vegetação da Mata Atlântica em um trecho do Parque Municipal da Lagoa do Peri”, com Vinícius de Araújo Klier (e a professora Tânia Tarabini Castellani). Das 16h20 às 16h40, Fernanda Ribeiro da Silva e Romualdo Morelatto Begnini apresentam “O jerivá (Syagrus romanzoffiana) e suas interações com a fauna no Parque Municipal da Lagoa do Peri”. 
Informações com Mel Simionato Marques pelo fone (48) 9613-4546 ou pelo e-mail mel_simi@yahoo.com.br. 
Por Celita Campos/jornalista na Agecom 
spot_img