22.1 C
fpolis
quinta-feira, janeiro 27, 2022
cinesytem

Natureza preservada marca a trilha pela Costa da Lagoa

Natureza preservada marca a trilha pela Costa da Lagoa

spot_img

Durante todas as sextas-feiras deste mês, o trajeto dos passeios ecológicos começa no Canto dos Araçás

O Caminho da Costa, como é conhecida a trilha, é o ideal para quem não quer enfrentar penhascos e desfiladeiros. O passeio começa no final da estrada geral do Canto dos Araçás e termina na praia do Saquinho. Sem grandes obstáculos, é feita em trechos planos por quase todo o percurso, onde o visitante passa por enseadas de águas calmas e por sete vilas: Vila Verde, Praia Seca, Praia da Areia, Baixada, Centrinho, Praia do Sul e Saquinho.

O ponto mais elevado do percurso, que dura aproximadamente duas horas, fica após a Ponta da Areia, de onde se pode avistar as dunas da Praia da Joaquina e da Lagoa – em toda sua extensão, a Reserva Ecológica do Rio Vermelho, o Morro da Barra da Lagoa e a Ponta da Galheta. Quem fizer a trilha não deve deixar de tomar o tradicional banho na cachoeira da Costa.

São cerca de oito quilômetros por uma região que, desde a metade do século XVIII, desenvolveu a atividade agrícola dos engenhos, que hoje viraram atração turística. Farinha de mandioca, café, açúcar e aguardente abasteceram por mais de um século a Vila de Nossa Senhora do Desterro (mais tarde Florianópolis) e os navios que ancoravam em seu porto. A Costa da Lagoa foi por muitos anos o “celeiro da Ilha”.

Durante todas as sextas-feiras deste mês, o trajeto das trilhas ecológicas será a Costa da Lagoa. As inscrições podem ser feitas na Embaixada da Beira-Mar Norte. Um micro-ônibus será disponibilizado pelo evento, que sai da própria embaixada, às 9h.

Dicas:
Para aproveitar melhor a trilha, o ideal é usar roupas leves, de preferência de cores claras, bota de caminhada ou tênis confortável. A mochila deve ser leve e pequena, com itens como: água, protetor solar e alimentos não-perecíveis.

spot_img
spot_img