18.8 C
fpolis
sexta-feira, setembro 24, 2021
cinesytem

Santa Catarina expõe atrativos turísticos em festival multicultural

spot_img

Santa Catarina expõe atrativos turísticos em festival multicultural

spot_img

Na cerimônia de abertura da FIMC, o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Gilmar Knaesel lembrou a evolução da atividade turística nos últimos cinco anos deflagrada por uma gestão que priorizou os investimentos em infra-estrutura, capacitação da mão-de-obra e promoção nacional e internacional. “Temos aqui um projeto de Estado, focado no objetivo de transformar o turismo em uma atividade econômica sustentável e geradora de divisas para o Estado e o País”, afirmou Knaesel. O governador Luiz Henrique da Silveira foi enfático: “Santa Catarina e Florianópolis não serão mais o mesmo Estado e a mesma capital turística depois do Congresso Mundial de Turismo do WTTC e este festival mostra o quanto somos um destino qualificado para competir internacionalmente”, disse Luiz Henrique. O prefeito de Florianópolis, Dário Berger, lembrou o aniversário de 82 anos da Ponte Hercílio Luz, cartão postal da capital turística de Santa Catarina e convidou a população para conhecer o que Santa Catarina oferece para o turismo interno.

O FIMC vai ocupar uma área de 7.605 m² no Centrosul, que vai abrigar os nove núcleos, representando as regiões de SC: Grande Florianópolis, Caminho dos Príncipes, Rota do Sol, Encantos do Sul, Caminho dos Cânions, Vale Europeu, Vale do Contestado, Serra Catarinense e Grande Oeste. Em cada um dos núcleos, os visitantes – estimados em mais de 50 mil – vão poder conferir os dados demográficos das regiões, bem como conhecer a história e cultura do local, além de interagir com os cenários multimídia. Uma bernunça gigante, uma fábrica de cristais, reprodução de uma mina de carvão, além de um bondinho do teleférico de Balneário Camboriú, são algumas das atrações apresentadas nos nove núcleos.Há ainda uma área destinada ao lazer, com Praça de Alimentação e palco para shows; Anfiteatro da História Catarinense, onde serão apresentados vídeos e filmes para relatar os episódios importantes do passado, como a Guerra do Contestado e República Juliana; e a Feira de Artesanato do SEBRAE. Além disso, haverá uma série de atrações culturais – que vão desde a exibição de filmes e documentários catarinenses até a apresentação de grupos folclóricos e musicais de várias cidades do estado – bem como a parte de Gastronomia, que vai contar com 25 estandes com os mais variados tipos de culinária presentes em Santa Catarina, onde será possível degustar os deliciosos produtos e pratos típicos catarinenses.

A Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, suas vinculadas, Santur, Fesporte e FCC e as 36 SDR’s – Secretarias de Desenvolvimento Regional, ocuparão na Feira um espaço de 54 m² . O estande da Secretaria oferecerá uma infraestrutura propícia para revelar ao visitante as belezas das regiões turísticas de Santa Catarina. O espaço conta com painéis luminosos retratando as áreas da cultura, turismo e esporte, vídeos promocionais do turismo e da candidatura do estado de Santa Catarina à Copa do Mundo de 2014, que desta vez será inovador, contará com a transmissão em 3D, além disso tudo o material promocional da Santur estará disponível aos participantes.

FIMC 1999

Na primeira edição, promovida pela Assembléia Legislativa de Santa Catarina e a FECAM – Federação Catarinense dos Municípios, realizada em novembro de 1999 no Centrosul em Florianópolis, o evento reuniu números expressivos de participantes e expositores. Em apenas quatro dias, o público pagante conheceu de perto as peculiaridades catarinenses, superando todas as expectativas.•

102 municípios catarinenses•

21 grupos folclóricos•

19 operações gastronômicas•

35.000 pagantes

Em 2009 o evento tomou proporções muito maiores. Mais que divulgar toda esta riqueza, o Festival de Integração Multicultural Catarinense vai promover um importante intercâmbio entre o público e as inúmeras regiões de Santa Catarina.

spot_img
spot_img

Leia mais